[Resenha] Série "O Diário da Princesa" - Meg Cabot | Minha Vida Literária
04

jul
2011

[Resenha] Série “O Diário da Princesa” – Meg Cabot

Inspirada na #semanamegcabot, promovida pela Editora Galera Record (@galerarecord), que estava rolando no twitter há pouco tempo, a primeira resenha  do blog vai ser em homenagem a diva, Meg Cabot!
Mas não vai ser sobre um livro, e sim sobre uma série e, portanto, acabei me estendendo um pouco. A propósito, uma das séries mais fofas já escritas e que com certeza arrancou um suspiro de todos que leram: “O Diário da Princesa”.

Vou me adiantar: peço desculpas já por alguns detalhes que vão escapar, comecei a ler a série há uns 8 anos, não reli e não tenho todos os livros, então já esqueci de muitas coisas. O intuito vai ser falar de um modo mais geral, mesmo! E se eu falar que algo aconteceu em algum livro e, na verdade, aconteceu em outro, peço desculpas, de novo, pela confusão!
Outro aviso é que terão alguns pequenos spoilers durante a resenha, mas nada muito revelador. Na verdade, será um spoiler apenas se, quem estiver lendo, nunca tiver ouvido falar nada sobre a história! Outros são encontrados nas próprias sinopses dos livros.
Vamos lá!
Quando a série se inicia, Mia é uma adolescente com problemas como toda adolescente não-popular: se preocupa com sua aparência, notas de álgebra e tem uma queda pelo garoto mais popular da escola, o Josh. Sua melhor amiga, Lilly, ao mesmo tempo em que é super inteligente, tem uma personalidade fortíssima e uma maneira um tanto incomum de se vestir.  E, é claro, Mia não suporta a garota mais popular, a Lana, que vive tendo atitudes maldosas e dignas de uma garota com seu status social.
Mia mora com sua mãe em um loft e não tem muito contato com o pai e família paterna. Até que um dia, ela recebe a notícia bombástica de que é a princesa herdeira do trono da Genóvia, um pequeno país Europeu. A partir daí, começa a ter aulas de princesa com sua avó, que ela chama de Grandmère, a Rainha da Genóvia. As aulas são, principalmente, como se comportar como uma princesa e envolvem uma transformação no visual de Mia, que, ao ter seu segredo revelado, passa a ser a garota mais popular da escola e precisa estar sempre alerta aos papparazzi.
Nos 4 primeiros livros da série, vemos o desenrolar do romance de Mia com o irmão de sua melhor amiga, o Michael (Ah, o Michael! Acho que ele foi o primeiro mocinho dos livros a arrancar meus suspiros – e do resto do mundo também!).  Entre outros acontecimentos está o começo do namoro entre a mãe e o professor de Álgebra da Mia, que acabam se casando e tendo um filho, o Rocky.
Até aqui, a série é deliciosa de ser lida! Lembro de querer ler um livro atrás do outro! Uma vez, eu estava lendo um deles (não me lembro qual) durante a tarde, na escola. Minha professora de português passou por mim, me cumprimentou e eu simplesmente não ouvi, de tão vidrada que estava! Ela precisou me chamar de novo pra eu ver que ela estava ali E falando comigo!
Comentários a parte, chegam o 5º e o 6º volumes da série – e também, o ponto baixo dela, pelo menos para mim.  A impressão que eu tive foi que a Meg fez sucesso com os 4 primeiros e resolveu prolongá-lo, escrevendo outros volumes. A sensação que eu tinha, enquanto lia, era de que não havia muita história, os conflitos nesses dois volumes são poucos e não prendem muito a atenção, como um conflito normalmente prende. No 5º, por exemplo, a maior preocupação da Mia é convencer o Michael a ir ao baile de formatura com ela. São livros que com certeza são uma boa distração, mas não são empolgantes, como os outros.
Mas isso não diminui o brilho da série. Ainda mais porque depois vieram os 3 últimos volumes (nota:  foi lançado o volume 6,5 – “O Presente da Princesa” – o qual eu não li, então não está contabilizado aqui). A partir do 7º, as coisas começam a esquentar. Surge um novo personagem, o JP (na verdade ele já aparecia antes, era conhecido como “O Cara Que Detesta Quando Colocam Milho no Feijão”, mas sua aparição oficial é no 7º volume) e a história começa a parecer, sutilmente, que poderá tomar um rumo diferente.  E no final do 8º livro, o rumo é consolidado e é quando todos têm vontade de matar a Mia. Nesse ponto, é impossível não querer continuar lendo pra ver até onde o estrago vai e como a história vai ficar. E a reviravolta é total: desde o relacionamento amoroso até as amizades. Principalmente as amizades!
Ao terminar o 9º, você acaba aceitando um pouco os acontecimentos – mesmo que não esteja lá muito satisfeita com eles. E, claro, a diva mostra que é diva ao fechar a série com chave de ouro.
No 10º livro, 2 anos se passaram sem que a Mia escrevesse em seu diário. Isso porque ela passou esse tempo ocupada, escrevendo um livro para seu trabalho de conclusão. Livro, o qual, foi lançado recentemente pela Editora Galera Record : “Liberte meu coração” (eu nem pirei quando vi que a Meg realmente escreveu o livro da história! Enquanto eu lia, eu ficava pensando que ela bem que poderia ter escrito e poderia lançar. Desejo realizado: “Liberte meu coração” foi lançado no mesmo dia que terminei “Princesa para Sempre”!)!
No último livro, o amadurecimento da Mia fica evidente, mesmo que ela conserve um pouco do seu jeito dramaqueen de ser. Afinal, se não conservasse, não seria ela! E é quando tudo que não havia ficado claro é esclarecido e os problemas são resolvidos da maneira que só uma princesa poderia resolver.
“Princesa para sempre” feche a série de maneira emocionante, tanto no sentido de você ficar ansiosa a cada página querendo ler e descobrir o resto, quanto no sentido de terminar o livro com os olhos marejados. Pelo menos os meus estavam, quando terminei. Isso porque, pra mim, as palavras finais da Mia foram, na verdade, palavras de agradecimento da Meg.  Ela (Mia) faz um balanço final de tudo que viveu nos seus anos de High School, mostra o que aprendeu, o que foi importante e quão grata ela se sente por todos que estiveram ao seu lado. Mostra, também, que seus atos, mesmo que pequenos, tiveram sim importância de algum modo e foram significativos. O final do livro mostra quão realizada a Mia se sente. E pra mim, foi quão realizada a Meg se sentiu por ter escrito essa série incrível e fofa!
Os livros foram publicados no Brasil pela Editora Galera Record e apresentam uma escrita  dinâmica, através do que a Mia escreve nas páginas de seu diário, então às vezes nos deparamos com uma frase que para na metade, porque algo impediu nossa protagonista de continuar escrevendo naquele momento, ou então anotações de suas tarefas do dia. A história flui bem, com alguns momentos bem hilários! As personagens são ótimas, cada uma a sua maneira, mesmo que, em alguns momentos, nos dê um pouco de nervoso com elas, inclusive com a própria Mia.
Recomendo para aqueles que buscam uma leitura leve, ainda mais se quiser relembrar/estiver vivendo esse período deliciosamente conturbado que é a adolescência!




Deixe o seu comentário

25 Respostas para "[Resenha] Série “O Diário da Princesa” – Meg Cabot"

Gabriela Silva - 04, julho 2011 às (17:21)

Eu sou louca pra ler essa série menina, tu não tem noção do quanto eu gostaria de ter essa série em casa. A história é tão linda! Amei a sua resenha parabéns! Mil Beijos! *-*

Responder

Anonymous - 04, julho 2011 às (17:44)

AHHH surtei .. nem sabia q tinha tantos assim .. ameii
adoroooooooo vou procurar com certeza …
beijos
wwww.avontadee.blogspot.com grazi

Responder

Evih - 04, julho 2011 às (17:49)

Já li a metade da série e até onde eu li e muito bom, so que a outra metade eu ainda não li, porque pegue emprestado e os outros livros ninguem me empresta , e se fosse comprar tinha que comprar inteiro mas mesmo assim os livros são dez

Responder

Marcelo Lima - 04, julho 2011 às (19:18)

Eu não consegui er o primeiro livro completo … porque a minhã irmã não deixou, mas li uma grande parte e parece ser muito legal , Amooo a Meg ! E a sua resenha ficou muito boa”) to maluco para ler Liberte meu coração.

Responder

Jaine - 04, julho 2011 às (19:47)

Bom, eu simplesmente sou apaixonada pela Meg, comecei a ler a série A Mediadora dela e é demais, dessa série O diário da princesa li até o terceiro livro e não deixei de me divertir com a Mia, ela é tão fofa, quero em breve ler toda a série.

Beeijos
Jaine – Little Things

Responder

Vanessa - 04, julho 2011 às (20:22)

Eu li até o sexto da série, preciso terminar, meldels D: UAHSAUHSU Eu gosto dessa série, é muito bacana <3

Beijos, Vanessa.
This Adorable Thing

Responder

Alessandra Helena - 04, julho 2011 às (21:07)

Ué, eu tinha comentado aqui mas a internet não está colaborando… vamos lá! 😛
Eu tenho o DVD e o primeiro livro e, como tu, li há muuuuuuuuito tempo! Eu adoooooro essa história e, realmente, a Meg Cabot é divaaaa!!
OBS: parabééns Mi pela resenha! Muito bem escrita! 😉

Beijos
Ale
http://www.introducingyouabook.com/

Responder

Ana Ferreira - 04, julho 2011 às (23:25)

Olá, Aione!
Li alguns livros da Meg Cabot e achei a escrita dela peculiar. O Diário da Princesa para mim, só os filmes. Adoraria ler a série mas é muuuuuuuuito longa e eu sinto que a absorveria melhor se eu fosse um pouco mais nova, acompanhando o crescimento da Mia talvez.
Gostei da sua resenha e de todos os fatos positivos que ressaltou mesmo tendo lido a série há tempos, como você mesma disse.

Adorei o seu blog!
Beijinhos,
Ana – Na Parede do Quarto

Responder

Niii - 05, julho 2011 às (12:07)

Poxa,
sou fã da Meg mas eu nunca li essa série =x
nem li o texto com medo de spoiler.
Quem sabe um dia, um livro leva é sempre legal!

bjs
Ni
Faz Parte…

Responder

Emoções em páginas - 05, julho 2011 às (16:48)

Ain eu sempre quis ler essa série…mas nunca consigo mimimi
Adorei a resenha Aione!!
beijoos

Responder

Raissa Debora - 05, julho 2011 às (20:27)

eu deteeesto esse serie, gostei dos dois filmes que fizeram, mas dos livros eu desisti no segundo mesmo
hauahuhuhahau
mas eu amo a Meg e todos os seu livros, ja li quase todos que pude 🙂
bju!
letracomasa.blogspot.com

Responder

Clícia Godoy - 05, julho 2011 às (21:29)

Olá!

Acredita que eu ainda não li essa série?
Acho que o tempo foi passando e ainda não peguei!

Amo Cabot! Ela é diva total!
Vou ler, mas tem que rolar uma promoção boa pra poder comprar!
=P

Bjinhos
Psiu!
Silêncio Que Eu To Lendo

Responder

ALINE T.K.M. - 05, julho 2011 às (21:34)

Nunca li a série, e inclusive nunca li nada da Meg Cabot, mas devo dizer que sempre achei as capas bem fofas, e sempre leio comentários positivos sobre ela. Também nunca vi os filmes, mas gosto bastante da Anne Hathaway, então talvez veria mais por causa da atriz.

Bjs,
escrevendoloucamente.blogspot.com

Responder

Letícia - 08, julho 2011 às (21:55)

Você disse tudo sobre a série, uma das minhas favoritas!! Muita gente julga o livro pelo título, achando que é uma historinha de adolescente, mas a escrita peculiar da Meg o torna muito mais que isso!! É muito engraçado e profundo ao mesmo tempo!
Sobre o quinto e o sexto livro serem mais fracos, concordo, principalmente depois do terceiro (amo!)e do quarto, que foram realmente muito marcantes, mas a reviravolta a partir da entrada do JP no sétimo é fantástica!! E a ideia do livro na vida real foi muito legal mesmo!
Continue com mais resenhas, Mi, tô adorando!!

Beijos!!

Responder

Gisele - 12, julho 2011 às (15:06)

Bá, fiquei com vontade de ler essa série…
Eu já li alguns livros da Meg mas ainda não li essa série, quem sabe uma hora… mas são tantos livros…

Bjus
Gisele

Responder

Edu ♥ - 05, outubro 2011 às (00:31)

Mesmo tendo 19 anos e sendo menino eu amooooooooo a Meg cabot e sua coleção “O diário da princesa. eu já li todos e futuramente irei reler.

Meg is perfect

Responder

Anonymous - 20, novembro 2011 às (18:15)

Eu li a série inteira e achei demais!!!

Responder

Beatrizlinhares - 24, novembro 2011 às (01:21)

daaaaaaaaa vontade de leer vou compra em dezembro o 1° da serie amoo

Responder

Anonymous - 27, dezembro 2011 às (17:42)

Eu tenho todos os livros e acho linda a história, vale a pena ler! O meu livro predileto da série é o Quarto (Princesa À Espera).
Adorei o seu Blog!
Beijos

Responder

caroline - 14, novembro 2012 às (16:12)

ADOOOROOOO essa série,o último livro então foi muito show como sempre…é dificil não gostar da Meg Cabot,os finais dela são sempre show!mas confesso q um ou outro livro dessa série não teve história deu uma enrolada básica.Se eu não tivesse muitos livros pra ler,relia todos!

Responder

Anonymous - 01, junho 2013 às (23:50)

já li até o 5 livro e particularmente sou viciada na série *——-* ass. lorena .

Responder

Ana Maria - 28, junho 2014 às (19:46)

amooooooo
ja vi somente o filme… mais estou doida querendo ler a serie

Responder

Maria Luiza Fernanes - 21, dezembro 2014 às (11:20)

Adorei os livros da série
não tenho todos mas estou adorando ler com certeza vou comprar o resto da serie adoro a Meg cabot e os liveos dela

Responder

Jessica - 18, junho 2016 às (16:41)

Amei muito apesar de ainda tá .no” a princesa de rosa shock”
Amo muito.
#amodiariodaprincesa.

Responder

Ingrid Meazza - 05, outubro 2016 às (22:26)

Na verdade, ela não é apaixonada pelo Josh, e sim pelo Michael, e só por umas duas semanas que ela achou que estava gostando do Josh. Mas sua resenha ta ótima. E dá uma passadinha lá no meu blog pra dar uma olhada!

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil