[Resenha] Feios - Scott Westerfeld | Minha Vida Literária
24

ago
2011

[Resenha] Feios – Scott Westerfeld

Título: Feios
Autor: Scott Westerfeld
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 415
Ano de Publicação: 2011
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Tally não vê a hora de completar 16 anos. Não porque terá sua festa de debutante, como manda a tradição norte-americana, mas porque finalmente deixará de ser Feia. Na sociedade em que vive, todas as pessoas menores de 16 anos são Feias por serem, o que é considerado por nós, normais. Sua aparência é exatamente natural e contem todas as imperfeições que um rosto humano contém. Mas a tradição de sua cidade é dar uma cirurgia de reconstrução completa a todos cidadãos que completam essa idade, tornando-os Perfeitos. Esses apresentam rostos simétricos, que seguem um padrão de beleza. Entretanto, por seguirem um padrão, as pessoas acabam tendo o mesmo tipo de beleza, que é exatamente a intenção da sociedade.

Séculos antes, o mundo como conhecemos hoje foi destruído pela humanidade, tanto por sua ganância, egoísmo e busca por poder como pelo abuso aos recursos naturais. Dessa maneira, em uma tentativa de não cometer o mesmo erro da antiga civilização, a nova sociedade surgida se desenvolveu para ser perfeita e igualitária: rostos perfeitos que seguem um padrão, para que não seja despertado o sentimento de inveja ou descontentamento consigo mesmo; mesmo padrão de vida para todos, sendo desnecessárias as compras, tudo é conseguido gratuitamente; uso de fontes renováveis de energia e não abusivas da natureza, além da dieta isenta de alimentos de origem animal. Em poucas palavras, uma sociedade socialista, desenvolvida e completamente diferente do que conhecemos.
Tally é a última de suas amigas ainda a ser Feia e não vê a hora de poder se tornar Perfeita e conviver com sua família e amigos em Nova Perfeição, local destinado à moradia dos novos Perfeitos, onde a vida é uma festa. Mas a garota acaba conhecendo Shay, uma Feia que completará 16 anos no mesmo dia que Tally, porém está bem longe de desejar ser transformada. É a partir desse encontro que a vida de Tally muda completamente e a garota se vê forçada a fazer uma escolha, a qual ela não está certa desejar. Escolha que poderá mudar ainda mais sua vida e, principalmente, ela mesma.
Publicado pela Editora Galera Record, “Feios” me ganhou logo no primeiro parágrafo por conta da narrativa. Foi necessário ler apenas as primeiras frases pra saber que tinha em mãos um livro que teria minha atenção por toda a história e meu envolvimento em suas páginas. E eu não me enganei nem um pouco.  Fui tragada por uma história envolvente, que despertou minha curiosidade por toda leitura, além de inúmeras reflexões a respeito dessa sociedade perfeita.
Certamente os argumentos utilizados para defender o estilo da Sociedade são, no mínimo, interessantes. Pessoas felizes consigo mesmas e sem diferenças de outras provavelmente não entrariam em conflitos por disputa de poder ou por simples inveja. Além disso, os menores de 16 anos, mesmo sem gostarem de suas reais aparências, não precisariam se importar com isso, afinal, ela seria modificada de qualquer forma ao ser atingida a idade adequada. Não só isso, todos os adolescentes, por conhecerem seus próprios defeitos, ficam imunes ao Bullyng, que acaba sendo praticado entre todos de maneira natural e não destrutiva. Por exemplo, Tally é conhecida por “Vesguinha”, Shay por “Magrela”, e esses apelidos não incomodam. Entretanto, não pude deixar de considerar paradoxal essa divisão da sociedade em Perfeitos e Feios. Se o objetivo é a igualdade, não conseguia concordar com o fato de os Feios serem excluídos e olhados com desdém, inclusive por eles próprios. Sem contar que sou uma grande admiradora das diferenças naturais de cada pessoa, pelos detalhes que as tornam únicas e que acabam sendo eliminados na transformação em Perfeitos.
Outro ponto interessante é um que, infelizmente, não poderei desenvolver para não soltar algum spoiler. Mas aqueles que já leram poderão me dizer se concordam ou não e entenderão o que quis dizer. Mesmo quem não leu, podem continuar lendo a resenha que não darei spoilers. Em determinado momento, é apresentado o fato ocorrido séculos antes das Orquídeas Brancas. Não pude deixar de acha-lo uma metáfora para a própria história, algo que em momento algum foi de fato comparado diretamente com ela, mas que, de maneira sutil, acredito ter sido uma referência à sociedade. Quem leu e puder dizer se concorda, agradeço! E, para quem não leu, mas ainda lerá, fica o alerta para atentar a isso e me contar depois a opinião! Mais um detalhe que achei curioso foi o uso, diversas vezes, da palavra “perfeito”. Em alguns momentos, a palavra designa ironia pelo seu próprio sentido dentro da história.
Um ponto negativo do livro, pra mim, foi a história do fim da civilização precedente à atual não ter sido muito bem explicada. No próprio livro é dito que não se sabe muito bem o que de fato aconteceu, só é possível entender um pouco mais através de informações que são dadas aos poucos. É uma maneira interessante e pode ser que a intenção tenha sido exatamente essa, para ser mais desenvolvida nos outros livros. Entretanto, acabei ficando um pouco confusa e não situada na história por ter sido feita dessa maneira.
Quanto às personagens, uma das que mais gostei foi a Shay, por ter opinião própria, mesmo que falte, em alguns momentos, coragem e impulso para segui-las. Não só isso, admirei o fato de a garota saber respeitar as decisões de Tally, mesmo quando diferentes das suas. Tally, de início, não me agradou muito, havia insegurança demais em suas atitudes. Mas seu amadurecimento foi positivo, principalmente na conscientização da garota sobre arcar com as consequências de seus atos. E claro, David. Não só adorei a personagem como a contribuição romântica que dá a história.
De maneira geral, “Feios” me agradou imensamente. A história fluiu, me prendeu e me deixou curiosa, ao seu término, para ler a continuação. Não só para ler “Perfeitos”, minha curiosidade foi mantida acesa por todo o livro, sempre me deixando com vontade de saber o que mais aconteceria.
Escrito por Scott Westerfeld, o livro faz parte da promoção De volta às aulas com a cabeça nas férias, uma ótima oportunidade para quem o deseja poder ganhá-lo! Então, participem! E, claro, comentem na resenha!




Deixe o seu comentário

38 Respostas para "[Resenha] Feios – Scott Westerfeld"

Geovanna Ferreira - 24, agosto 2011 às (20:16)

Uauuu comentarista ambulante… que resenha de mestre!!! Adorei!No fim we are as orquídeas brancas né? Saquei! Também adorei o livro! Criativo ao extremo, totalmente visual e cheio de críticas bacanas, então também achei algumas coisas mal aproveitadas…mas não deixa de ser um ótimo livro!!

Responder

Luana Farias - 24, agosto 2011 às (21:17)

Bah quero ler esse livro, parece ser super bom cara, eu tenho aqui mas não tive tempo ainda de ler ele.

Bjs

Responder

Pabline - 24, agosto 2011 às (21:26)

Oi Aione, hoje recebi os marcadores e sua cartinha hoje. XD Obrigada vc é uma fofa. Bom, tenho esse livro a minha disposição (minha amiga comprou um dia desses) Não li ainda porque fiquei meio receosa pois ela disse que não gostou tanto, então fui adiando, mas depois da sua resenha vou subi-lo na minha lista. Me pareceu incrível… Obrigada se não fosse por vc provavelmente demoraria muito para lê-lo.
Como sempre suas resenhas são maravilhosas.
BJ!

Responder

Niii - 24, agosto 2011 às (21:26)

eu fico meio triste por não ter curtido o livro =x
nem sei pq! Mas simplesmente nao fluiu p/ mim!
Q bom q vc gostou! =)

bjs

Responder

Mah - 24, agosto 2011 às (21:40)

Eu também adoro a Shay. Li até a metade do livro e depois emprestei, estou esperando recebê-lo para voltar a leitura. Gostei muito da escrita e desenvolvimento dos personagens do autor, ele sabe prender o leitor. Doida para terminar de ler e iniciar Perfeitos.

Beijos,
Mah

Responder

Van Castro - 24, agosto 2011 às (21:43)

Nossa, tá aí um livro que eu colocaria na minha opção de “Parece, mas não é”!
Hahaha
Não imaginava uma história assim, mas alguma coisa mais pesada, sei lá!
^^

Responder

Eduarda Menezes - 24, agosto 2011 às (22:00)

Mii, como eu já tinha te dito esse livro tá na minha estante a espera de ser lido e adorei que você gostou, assim é mais uma dica de que irei gostar também! ^^

Essa questão da sociedade igualitária onde não haveria necessidade da inveja, ganância, etc em uma tentativa de manter a harmonia e paz mundial, lembrou bastante de um filme com Nicole Kidman e o Daniel Craig! Na verdade o filme já é uma refilmagem de outro mais antigo, o nome é “Os Invasores”, não sei se você já assistiu, onde é levantada no começo da história uma polêmica de que são as brigas, nossas reações naturais, as discussões e emoções como raiva, ódio, etc que afinal de conta nos tornam humanos, ou então seríamos seres pacíficos mas sem sentimentos e meio que robôs, sabe? Então mesmo coisas ruins, serviriam para um bem maior, e depois a ideia é desenvolvida a partir do ponto que os ets entram nos seres humanos para deixa-los seres sem sentimentos e o caos que disso surge! Enfim, é algo do tipo pois faz tempo que vi o filme hehehe! Mas sua resenha lembrou-me de certa forma a ideia central desse filme!

Acho que a ideia de uma sociedade perfeita seria algo aterrorizante! Afinal, onde está o livre arbítrio e as diferenças que nos tornam únicos?

Tenho a impressão muito forte de que vou gostar do livro! ;D

Bjooo!

Responder

Sofia - 24, agosto 2011 às (23:20)

É, eu já havia escutado muito sobre este livro, e em muitas estantes no Skoob, hehe…

Eu concordo completamente no que você falou, essa coisa de Feio e perfeito nem existe e é completamente desnecessário. Mas, eu amei a resenha que você fez, além do mais, que talento hein?

Eu gostei demais da capa, é misteriosa e linda! Ho ho ho …
Beijos

Responder

Vanvan - 25, agosto 2011 às (00:06)

Oi Aione, tudo bem?
Nossa, eu tenho uma mega vontade de ler este livro, tenho ele inclusive, acho ate que ja lhe disse isso em outro comentario, mas estou com tanta coisa de parceria que chega a dar vontade de chorar, hiuahiua. Mentira, não da vontade de chorar nada, amo receber livros, cada vez mais!
Ah, me avise quando chegarem os marcadores ok.

Balaio de Livros.

Responder

Pah - 25, agosto 2011 às (00:50)

Oi Mi

Ai menina esse livro tá aqui na minha estante, mas quem disse que da tempo de lê-lo?! Acho a história muito intrigante, e tbm me pergunto sobre essa divisão feios X perfeitos, pensando que, chega um momento em que a igualdade gera conflitos internos e externos, nem todo mundo se submete a regras, a perfeição constante… Bem, só sei que sou louca para ler esse livro, mas tinha me esquecido dele, akoakaok O vida viu!

Beijokas

Pah, Livros & Fuxicos

Responder

Mandinha - 25, agosto 2011 às (01:10)

Oi Aione! 😀

Faz tempo que quero ler essa série do Scott. Já li resenhas positivas e negativas em relação aos livros dele, por isso quero ler pra tirar minhas próprias conclusões.

Eu acho a ideia do livro super interessante! Fico aqui na curiosidade esperando a minha oportunidade de ler.

Que bom que você gostou do livro! Que apesar do ponto negativo que você citou ali… O fato de não explicar muito bem a história da civilização e tal… É ruim quando a gente fica meio que perdida né?! Eu odeio quando isso acontece! As vezes fico relendo algumas partes pensando que fui eu quem não prestou muita atenção! 😡 hehehe, mas que bom que isso não atrapalhou a leitura!

Beijos!
Amanda
Lendo&Comentando
🙂

Responder

May L. - 25, agosto 2011 às (01:33)

Sou doida por esse livro.
De todas as resenhas que já li sobre ele, só uma foi negativa.
Espero conseguir lê-lo ainda esse ano. Pois estou com muitos livro aqui, e não consigo parar de comprar 😀

Beijos -glowofthemoonlight-

Responder

Yago Dalben - 25, agosto 2011 às (02:14)

Hey!

Faz séculos que quero ler esse livro, mas nunca tive coragem de comprar HAHAH Sempre ficava com um pé atrás. Mas agora, se eu tiver a oportunidade, eu compro! rs

Ótima resenha 😀

Beijos,
Yago.
http://amigodolivro.blogspot.com/

Responder

Alessandra Helena - 25, agosto 2011 às (03:42)

Tenho aqui em casa Feios e Perfeitos mas ainda não li! Só leio coisas boas a respeito dessa série, então eu acho que, como você, não irei me decepcionar!!
Acho a temática do livro tão boa e bem pensada! Dá gosto de ler!
E vou ficar atenta na parte das Orquídeas Brancas quando eu ler o livro!! Pode deixar! 😉

Beijos
Ale
http://www.introducingyouabook.com/

Responder

Nessa - 25, agosto 2011 às (11:19)

Sabe que eu comprei esse livro pois vi que varias pessoas estavam lendo e achei interessante!
Mas li um pouco e parei! Eu pretendo retomar essa leitura e quem sabe ler os outros dois!!
Adoro suas resenhas!! bjs
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

Responder

Mariana Ribeiro - 25, agosto 2011 às (12:41)

Olá, Aione!!
Adorei a sua resenha!!
Eu estou com o livro aqui inclusive, mas ainda não pude ler e espero gostar dele tant quanto você!
Eu já li um conto escrito pelo Scott no livro Amores Infernais e gostei muito da forma como ele criou a história e desenvolveu os personagens. Acredito que vou adorar essa série também!
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Responder

Larissa - 25, agosto 2011 às (13:41)

Ainda não li esse livro, mas preciso urgente ler ele *-*
todos que leram aprovaram, mas infelizmente quando eu fui comprar pelo submarino ele não estava disponível =/
Ameiii a sua resenha =D

bjs…
http://assuntosobrelivros.blogspot.com/

Responder

Ana L. S. Castro - 25, agosto 2011 às (16:08)

Amiga,

Parabéns pela resenha.

A história parece muito interessante! Quando tiver a oportunidade pretendo ler. 🙂

Bjus

Responder

Márcia - 25, agosto 2011 às (16:36)

A capa de uma moça linda com o tíulo de “feios”. Gente, tema muito atual, faz parar para pensar até que ponto chega o padrão de beleza atual. Gostei demais da resenha. Parabéns.
Gostaria de postar comentários diários, mas, acredite, a minha conexão ainda é discada, ninguém merece, ninguém merece, ninguém merece…
Beijinhos.

Responder

Natalia Dantas - 25, agosto 2011 às (16:48)

Oi, Aione 😀
É meu primeiro comentário aqui,e obrigada por comentar lá no meu blog. Estou muito grata 🙂 Pensei que esse ivro fosse bem diferente, mais gostei do mesmo jeito! AHUAHUA *—–*
Gostei da resenha.
Beijinhoos :*
Natalia.
http://musicaselivros.blogspot.com/

Responder

PamFardin - 25, agosto 2011 às (16:49)

Resenha perfeita :O Esse livro pelo que vi, é muito parecido com Destino, que deixou com um pouquinho de medo, pela “sociedade” ser muito rígida, parece uma boa leitura *-*

Beijos
aritmeticadasletras.blogspot.com

Responder

Entre Fatos & Livros - 25, agosto 2011 às (17:08)

OI Aione!

Eu li esse livro há algum tempo. Eu gostei. Achei mto interessante, pq quando comecei a ler, não levava fé. Eu tinha certeza que não conseguiria entrar no clima do livro, por achar tdo surreal demais. Depois de algumas páginas eu já estava certa que existia pranchas voadoras, Feios e Perfeitos.

Aliais, ainda não li Perfeitos. Eu qro, mas nunca encontro um bom preço. =S

BjoO
Pri
Entre Fatos e livros

Responder

Milena - 25, agosto 2011 às (17:20)

Comprei “Feios” há um tempão (vai fazer 1 ano no feriado de Finados kkkkkk) e ainda não li 🙁 sempre pego livros emprestados além dos que eu compro, então Feios foi ficando para trás.. Mas como parei de comprar livros e só pego emprestado agora, acho que ja já vou ler! Aí eu comento sobre o que achei do livro e a gente pode discutir sobre ele! 😀 Adorei sua resenha! Só aumenta minha ansiedade pra Feios subir logo na minha meta de leitura! Hahaha, beijos!

Responder

Julia G - 25, agosto 2011 às (17:39)

Mi, gostei muito da sua resenha, concordo com a maior parte do que você falou. Primeira coisa de tudo: finalmente encontrei alguém que não detesta a Shay! Sério, a maioria acha ela chata. Eu acho ela divertida ;x hihihi
Bom, eu não entendi direito o que você quis dizer naquela parte das orquídeas brancas, então não tenho como deixar minha opinião.
E, com certeza, o livro é ótimo. Estou com Perfeitos para ler, mas minha fila de espera é grande.
;

Beijos
Conjunto da Obra

Responder

Aline Lopes - 25, agosto 2011 às (19:32)

Não sei se iria gostar deste livro, acho que não faz muito o meu estilo, porém até tenho vontade de ler para ver se aprecio a leitura.
A sua resenha está ótima como sempre.
Beijos.

Books E Desenhos

Responder

Evellyn - 25, agosto 2011 às (19:36)

Hm, adorei sua resenha.. Nunca tinha lido uma com opinião assim…
Na verdade o livro me parece interessante e achei otimo que vc amou desde o 1º paragrafo, mas não consigo ter vontade de ler algo com o nome de Feios (olha meu preconceito)… ao mesmo tempo achei legal essa questão do ‘bullying’ pq to de saco cheio disso… Anda tão em ‘up’ que cansa..

Enfim, vou participar da promo pra ver se ganho né..

bjs
hey Evellyn!

Responder

Igor Gouveia - 25, agosto 2011 às (21:55)

Eu quero esse livro :~ Estou louco pra ler ele.

Responder

Marcelo Lima - 25, agosto 2011 às (22:39)

Só eu não me envolvi com esse livro “/ e minha vontade de ler Perfeitos é minima. Resenha muito boa Mi !

Responder

Lucas Martins - 25, agosto 2011 às (23:19)

Miiiii, já te disse como eu quero este livro? Eu nunca li nada assim, e nem nada do Scott Westerfield. Estou louco aqui, mas quero pegar uma promoção com os 3 livros e o outro que vai sair ainda. Afinal, perdi a promoção da Saraiva e quando fui na loja, era por encomenda… D:
Enfim, ficou muiiiiito boa a resenha e espero que quando postar (se postar) resenha de Perfeitos, eu já tenha lido e me unido ao grande grupo que ama Feios.
Bjão.

Responder

Robledo Filho - 26, agosto 2011 às (03:08)

Primeiramente, resenha incrível.
Agora: acredita que eu tive uma reação totalmente oposta à sua ao início do livro? Comecei a ler, e depois de cinquenta páginas já não aguentava mais aquele estilo superficial, sem nenhuma profundidade… Tudo bem que eu tinha lido dois ou três livros altamente psicológicos, um atrás do outro, mas mesmo assim “Feios” realmente me decepcionou. Ganhei-o em uma promoção e ele ainda está aqui, na minha estante, esperando para ser lido. Confesso que gosto de algumas questões que o livro parece abordar (como essa história das duas amigas que são inicialmente Feias… Pergunto-me como será a amizade delas depois do grande evento de transformação), mas ainda não estou no humor para ler a obra, principalmente porque tem uma pilha enorme de coisas em espera, rs.

=*
Livros, letras e metas

Responder

Clarisse Cunha - 26, agosto 2011 às (22:55)

Aione!
Li “Feios” e gostei mais do que achei que ia curtir.
Foi tão diferente a escrita do Scott, ele é o cara!! rsrsrs
Não li “Perfeitos” ainda. Até comecei mas achei fraquinho, mas vou ler mesmo assim. Sou daquelas que acham que um livro tem que ser empolgante desde o começo.

Boas leituras!

XOXO, da Lisse

Responder

Nana - 27, agosto 2011 às (05:29)

Oiee Aione!
Ainda não li Feios, não sei pq acho que o livro vai acabar tocando em algumas feridas em mim HAHA #dramaon mas é verdade.

Morro de curiosidade, pq acho que é o livro que mais vejo as pessoas resenhando e tals e fico mais curiosa e as vezes com receio de ler HAHA

Adorei a resenha!

bjs
Nana – Obsession Valley

Responder

Milena - 27, agosto 2011 às (16:06)

Quantos comentários! :O
Fiquei boba agora amor, parabéns.. seu blog cresceu muito rápido! Só falta um layout MARAVILHOSO para completar hahahah! Parabéns mesmo.

Amei sua resenha! Como você sabe sou fã delas, você escreve super bem, nos passa algo sincero, e sempre da vontade de ler os livros que você resenha.
Um grande exemplo foi o livro “Você tem Meia Hora” *-*
Feios eu já li e não gostei tanto, sei lá, fui uma das únicas, mais fui =(
hhah!

Um beijão
Milena

Divert Letras

Responder

Milly - 29, agosto 2011 às (03:00)

Oi Mi, tudo bem ?

Nossa, adorei sua resenha! Uma das melhores que jah li a respeito desse livro..
Tenho muita vontade de ler, o que por enquanto não vai ser possível 🙁 , devido ao tamanho enorme de livros que eu jah tenho e nem cheguei a tirar do plastico.. rsrs

Ler e se Aventurar..
Beeijos ;*

Responder

Fernanda Faria - 31, agosto 2011 às (16:11)

Eu tenho o livro, mas está esperando para ser devorado…Mas me parece ser um livro muito bom!
Gostei dos comentários 😉

Beijoss

Colina do Tordo

Responder

Clícia Godoy - 01, setembro 2011 às (03:01)

Eu amo esse livro!

Me prendeu como prendeu você! É incrível como a história pode ser envolvente não!?

Não me liguei do que vc falou que acontece antes da orquidia branca!?
=S

E eu achei que foi bem explicado como tudo acabou! Ou foi em Perfeitos que explicou? Não sei bem, mas tem uma hora que explica tudo bem explicado!

Se você gostou de Feios se prepare para Perfeitos!
ahsuhaushasa

Bjinhos
Psiu!
Silêncio Que Eu To Lendo!

Responder

caroline - 14, novembro 2012 às (16:05)

Adorei a resenha,tb achei o mesmo q vc,a cada vez q eu lia eu ficava curiosa pra ler o q ia acontecer e o livro termina de um jeito q faz vc querer logo Perfeitos.

Responder

Ingrid - 31, agosto 2014 às (20:00)

To ansiosa pra fazer a leitura dessa distopia, principalmente depois de ouvir tantos comentários positivos. Ótima resenha Aione, parabéns!!

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil