Parece, Mas Não É | Minha Vida Literária
15

set
2011

Parece, Mas Não É

“Parece, mas não é” é uma coluna onde trago livros que, ao ver a capa pela primeira vez, achei tratarem de um assunto, mas, ao ler suas sinopses, descobri que não tinham nada a ver com o que pensei!


Quando vi a capa de “A Floresta de Mãos e Dentes” imaginei um suspense, com toques de drama. Lembram do filme “A Casa de Vidro”? Aos que não lembram, deixarei o link do Adoro Cinema aqui para quem quiser conferir. De qualquer forma, assimilei a capa do livro a algo do mesmo gênero do filme, então, na minha mente, esperava uma sinopse mais ou menos assim:

Sinopse – A Floresta de Mãos e Dentes – by Aione Simões
Ao perder seu irmão para a violência das ruas de São Paulo, Laura também perdeu, não só sua alegria, como também a vida perfeita que levava na capital. Seus pais, assombrados pelo medo, decidem-se mudar para uma cidade do interior, menor e mais segura, em uma tentativa de deixarem o passado para trás. O que eles não poderiam esperar é que não há como fugir do inacabado. E é através de novos acontecimentos que Laura começa a acreditar que a vida de seu irmão não foi tirada em um acidente, resultado de uma sociedade em desequilíbrio, mas sim como parte de um plano muito maior e muito mais perigoso…

É claro que, se eu tivesse acertado do que o livro trata, ele não estaria aqui.
Portanto, ao ler a sinopse, descobri que o gênero é, na verdade…

Sinopse – A Floresta de Mãos e Dentes – Carrie Ryan

O mundo de Mary é um mundo de verdades simples. A Irmandade sempre sabe o que é melhor. Os Guardiões protegem a todos. Os Esconjurados jamais descansam. E você deve sempre tomar cuidado com a cerca que percorre o perímetro do vilarejo; a cerca que protege o vilarejo da Floresta de Mãos e Dentes. Mas, lentamente, as verdades de Mary estão se desintegrando. Ela está aprendendo coisas que nunca quis saber a respeito da Irmandade e seus segredos, dos Guardiões e seu poder, e dos Esconjurados e seu desespero. Quando a cerca é violada e seu mundo é atirado no caos, Mary deve escolher entre sua vila e seu futuro – entre seu amado e o homem que a ama. E ela deve enfrentar a verdade a respeito da Floresta de Mãos e Dentes. Pode existir vida em um mundo cercado por tanta morte?

… literatura fantástica! Claro que há um quê de mistério e suspense, mas não espera encontrar esse teor de fantasia!
Talvez tenha sido ingenuidade da minha parte, pois cada vez mais livros do gênero são lançados e, se for para chutar a qual gênero um livro pode pertencer, chute esse!
De qualquer forma, fui novamente surpreendida!

E vocês, foram enganados pela capa ou não?

Beijos!





Deixe o seu comentário

38 Respostas para "Parece, Mas Não É"

Niii - 15, setembro 2011 às (19:38)

huahua
adoro essa seção!
eu sempre imaginei um livro no estilo ‘contos de fadas’… errei feio já que é zumbi! eca!
haha
bj

Responder

Sofia - 15, setembro 2011 às (19:48)

Nossa, você tem que escrever um livro Aione! Você faz as sinopse com tanto engenho… Gostei!

Ao ver a capa do livro eu me apaixonei, e me decepcionei ao ler a sinopse! Jesus, jesus! Eu imagina algo bem diferente: Nossa, nem sei descrever… Talvez algo menos da ” fantasia ” … Por que hoje em dia existe muito desses livros, não? Por mais que eu goste desses tipos de livros, eu já fico cansada! rsrs…

Achei a sinopse do livro legal, mas confesso que foi mais decepção. As duas sinopses SÃO legais.. Porém a sua me encantou mais, só um tanto diferenteee da capa. rsrs.. Bem que o nome poderia ser A Floresta, não?
rsrs

Um beijo

Responder

Igor Gouveia - 15, setembro 2011 às (20:13)

Primeiro deixa eu dizer que a capa desse livro é linda demais. A sua sinopse ficou bem legal. Quando vi a capa, já pensei em algo do estilo de um Serial Killers solto numa floresta com um bocado de estudantes em alguma excursão da escola e ai começa a aparecer gente morta. Bem aterrorizante. Realmente a capa engana.

Beijos (:

Responder

Amanda Moreira - 15, setembro 2011 às (20:20)

Pra te falar a verdade não fiz nem idéia do que esse livro poderia falar AUSHAUS
antes de ler a sinopse fiquei tentando pensar em algo kk

http://doblushaosalto.blogspot.com/
Bjks ^^

Responder

Priscilla Duhau - 15, setembro 2011 às (20:20)

Eu pensei em algo envolvendo fantasia também, mas algo que tivesse a ver com bruxas, rituais, essas coisas
O “Parece, mas não é” tá ficando cada vez melhor hein, Mi? Adoro essa coluna! *-*

Beijão ♥
Priscilla Duhau
Livrificando

Responder

Lucas Martins - 15, setembro 2011 às (21:13)

Este não me impressionou muito, confesso. Achei que fosse mais ou menos no estilo, ainda sim com o drama básico.
As suas sinopses sempre muito bem escritas nos passam uma ideia diferente do que é o livro, e isso é legal!
Bjão! Até a próxima! 🙂

Responder

Julia G - 15, setembro 2011 às (21:20)

AUIhaiuHAui
Eu não faço idéia do que poderia se tratar este livro. Mas estou me surpreendendo com sua criatividade, viu?

Beijos
Conjunto da Obra

Responder

Vanessa - 15, setembro 2011 às (21:23)

Hey (:
Eu pensei em algo tipo a sua sinopse quando vi a capa desse livro também UAHSAUSHAU Eu sempre me engano enquanto a capa de livros, incrível q Adorei.

Beijos, Vanessa.
This Adorable Thing

Responder

Patricia Ferreira - 15, setembro 2011 às (21:23)

Oiii,

Eu acho esta capa linda, ultimamente estão escrevendo muito sobre sociedades que tem regras e leis que ninguém as questiona e talz… tipo o livro Feios, Destino… uashau’

Beijos, Patty
Cartas para Ficção

Responder

Fernanda Faria - 15, setembro 2011 às (21:29)

Parece mesmo algo como você escreveu.
Mas eu diria que está mais para um terror mesmo numa vila perdida e fora do mapa hehe

Beijoss

Responder

Nana - 15, setembro 2011 às (22:08)

Oie!
Não conhecia esse livro, fiquei olhando e imaginando do que seria…
Confesso que imaginei que teria ‘seres’ diferentes, mas ri com a sua sinopse haha

Acho colocarei ele na listinha

beijos
Nana – Obsession Valley

Responder

Eduarda Menezes - 15, setembro 2011 às (22:20)

Aconteceu a coisa mais curiosa. Ao ler o post eu estava conversando com a minha mãe, então estava um pouco distraída então quando li a sua sinopse achei que era de fato a do livro e não a inventada e pensei que era justamente o que eu esperaria da história pela capa rsrsrs Só depooois é que eu fui ver que essa era a sua e que a do livro é completamente diferente!

Essa você acertou em cheio Mi, achei exatamente a mesma coisa, o tipo de livro que eu esperaria pela capa e adorei a sua sinopse, super interessante!

A verdadeira também é interessante, um pouco fantástica mas acho que eu leria, apesar de sinceramente nesse caso preferir a sua hehehe ^^

A real lembrou-me um pouco o filme “A Vila” do M. Night Shyamalan, pelo menos a primeira vista!

Beijos! :*

Responder

Vanessa - 15, setembro 2011 às (22:42)

Eu é claro que fiquei louca pelo livro assim que vi ele pela primeira vez e a minha imaginação voou tentando adivinhar a sinopse dele, pensei logo em seres misteriosos da floresta….

Balaio de Livros.

Responder

Marcelo Lima - 15, setembro 2011 às (22:54)

Sempre quiz esse livro,só falta money kkk”)

Responder

Jovens Leitoras - 16, setembro 2011 às (00:33)

Ai Aione, sempre gosto mais das suas sinopses, você deveria escrever um livro, HUAHAUHA.
Também imaginei alguma coisa mais parecida com a sua sinopse, mas a verdadeira parece ser bem legal *-*

Beijos.

Responder

jayane - 16, setembro 2011 às (00:42)

Nossa super diferente a sinopse do livro com a sua mini resenha.

Responder

αmαndα cristinα ツ - 16, setembro 2011 às (01:11)

OMG! Jurava que esse livro abordaria fadas, duendes e bichinhos encantados, até que sei-lá-o-que viria e destruiria a paz que reinava por lá. É, mas tente pensar que isso não seria infantil (se for possível não ser).
Enfim, também gostei da sinopse, mas sou muito mais a sua! kkk’

Beijinhos, :*
http://www.primeiro-livro.com

Responder

danamartins - 16, setembro 2011 às (01:57)

a gente descobre que gosta de uma ideia quando entra no blog e fica feliz da vida quando vê qual é o post. adorei essa coluna! HUAH

Com a capa desse eu não fui tão longe quanto você, achava que era fantasia, mas podia jurar que tinha alguma coisa de bruxa ou algo assim. Nem imaginava o que realmente é… (bem, ainda não li o livro, mas até onde eu vi não é de bruxa…)

Agora eu lembrei de dois livros que me enganaram assim. “Perdida na Floresta”, eu tinha feito A história né, daí quando fui ler…
e o outro foi aquele O Herdeiro Guerreiro. podia jurar até que era algo medieval

Responder

Livy - 16, setembro 2011 às (02:03)

Adoro esta seção, é muito legal, pois sabemos do que realmente os livros (que nos enganam), se tratam… adorei saber mais sobre A FLORESTA DE MÃOS E DENTES…

Beijos
Livy
nomundodoslivros.com

Responder

Natália Maia - 16, setembro 2011 às (02:47)

Achei genial essa coluna! Na primeira vez que vi o livro, eu pensei que se tratasse de uma história de espíritos e nem me interessei. Depois é que fui descobrir que falava de Zumbis e aí me interessei! ;D
Adorei o post!
Natália Maia – viciadasemlivros.wordpress.com

Responder

Yago Dalben - 16, setembro 2011 às (03:01)

Oi,

Bem, eu já conhecia o livro em inglês, então, não me enganei (: Falar nisso, quero muito lê-lo!

Abraços,
Yago.
http://amigodolivro.blogspot.com/

Responder

João Victor - 16, setembro 2011 às (03:26)

Oi ..

Fui “mais ou menos” enganado pela – linda, maravilhosa – capa. Já esperava um pouco de literatura fantástica, mas não nesse nível, rs. O livro parece ser bem legal 🙂

João Victor
http://amigodolivro.blogspot.com/

Responder

@whosthanny - 16, setembro 2011 às (11:24)

Nem sei o que pensei quando vi a capa pela primeira vez, porque já conhecia a sinopse do livro, por assim dizer. Mas sua sinopse se encaixa também HAUHAUAHUAHAUH Quero tanro ler esse livro ):

xx
whosthanny.com

Responder

Andressa Tomaz - 16, setembro 2011 às (14:09)

Realmente também não tinha imaginado toda essa coisa de fantasia. A sinopse real me fez lembrar um pouco do filme a ‘A Vila’ hauah de qualquer jeito, parece ser um suspense bom. Mas julgando pela capa, eu concordo com você.
Sua sinopse ficou muito boa auahua

Beijos Aione!

Responder

Jaine - 16, setembro 2011 às (18:10)

Oii Aione, assim que vi o livro imaginei que seria literatura fantástica, porque hoje em dia quando se entra em livrarias são livros com esse tema que estão em destaque, já imaginava..

Beeijos
Jaine – Little Things

Responder

May L. - 16, setembro 2011 às (19:41)

A sinopse desse livro parece com o livro A vila.
Pra mim, esse livro era um terror

Beijos -glowofthemoonlight-

Responder

Mariana Ribeiro - 16, setembro 2011 às (23:56)

Olá, Aione!
Nem sei bem o que pensar, porque avaliei pelo título apenas que se tratasse de algo mais voltado ao sobrenatural. rs Pelo visto não é bem assim e curti muito saber um pouco mais sobre ele e desmistificar a primeira impressão que eu tive sobre o livro.
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Responder

Planet Pink - 17, setembro 2011 às (00:30)

Qndo vi a capa, pensei em algo +/- que nem tu mesmo, mas alguma coisa como, alguem perdido numa floresta, com perseguições e medos, mas nada de sobrenatural ou literatura fantástica, confesso que sua sinopse me agradou mais que a verdadeira haha

Beijinhos ;*

Responder

Ana Ferreira - 17, setembro 2011 às (11:03)

Mi, se nada der certo, escreva sinopses! heiuehieuheiuhe
Eu sempre gosto de ler o seu ponto de vista sobre os livros, mas confesso que dessa vez não fui enganada pela capa. Não creio que tenha sido o título o denunciador, mas essa moça estampada tem muuuuuuuuita cara de Sobrenatural hahaha

Beijinhos,
Ana – Na Parede do Quarto

Responder

Amanda - 17, setembro 2011 às (14:48)

Eu adorei essa capa, a sinopse verdadeira, me deixou com uma vontade enorme de ler.
Eu sempre achei que fosse algo sobrenatural e essa coisas do tipo. Ainda bem que não é suspense… Não gosto muito, apesar de gostar. rs

Beijos,
Mandi *;
http://bookandcupcake.blogspot.com

Responder

Renata G. de Souza - 19, setembro 2011 às (02:44)

Essa coisa de Parece mas não é, acontece direto comigo kkk
E pela capa desse livro, eu imaginava parecido com o livro A garota da capa vermelha ;D

Responder

Gláu - 19, setembro 2011 às (03:03)

nossa pela capa e pelo titulo tbm me pareceu ser suspense, pra nao falar terror… me lembrou a floresta maldita…kkk
tbm gostei muito da casa de vidro…
bjs

Responder

Tefinha - 19, setembro 2011 às (03:49)

Confesso que gostei mais da sua sinopse. Visitem o meu blog: http://aminhadimensao.blogspot.com/

Responder

Entre Fatos & Livros - 19, setembro 2011 às (04:38)

Eu tb me engano fácil com as capas dos livros. Eu pensei que fosse voltado para o terror ou o drama. Gostei mto da capa e do título, mas para saber do que se trata, só lendo a sinopse mesmo.

BjoO
Pri
Entre Fatos e Livros

Responder

Suzana Sabino - 19, setembro 2011 às (12:41)

Oi Aione.
Adorei essa coluna. Nunca tinha visto. Bem original. 😀
Eu gosto bastante dessa capa. Mas mesmo antes de ver a sinopse já pensei ser romance sobrenatural, principalmente por causa do titulo.

Beijos.

Responder

Van Castro - 19, setembro 2011 às (18:06)

Ok, prefiro a sua sinopse, de longe!
Acho que não sou muito fã de fantasia! Haha

Responder

Emmy - 20, setembro 2011 às (01:17)

adorooo essa seção! *-* E novamente to preferindo a sua sinopse!!
Bjs, Emmy
Literary World

Responder

Vanessa Tourinho - 02, outubro 2011 às (17:32)

Kkkkkkkkkkk, sempre criativa com as sinopses!
Tenho que confessar que eu me surpreendi também com gênero, pensei se tratar de um thriller. :/

Bjs.
ParaisoEmPapel

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por