[Resenha] Eu Sei O Que Você Está Pensando - John Verdon | Minha Vida Literária
31

ago
2012

[Resenha] Eu Sei O Que Você Está Pensando – John Verdon

Título: Eu Sei O Que Você Está Pensando
Autor: John Verdon
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 340
Ano de Publicação: 2011
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Uma carta perturbadora chega via correio com uma simples declaração ao final: “Veja como conheço seus segredos – apenas pense em um número.” Errará quem pensar que uma carta dessas chega a seu destino final apenas por obra do acaso. Para o detetive aposentado da polícia de homicídios da cidade de Nova York, Dave Gurney, que está formando uma nova vida ao lado de sua esposa Madeleine, as cartas começam a deixar de ser estranhas para se tornarem um complicado quebra-cabeça que levará a uma enorme investigação sobre assassinatos em série. Trazido para o caso como consultor, Gurney em pouco tempo percebe pistas que a polícia local deixou passar. Ainda assim, diante de um oponente que parece ter o dom da clarividência, Gurney vê seus esforços irem em vão, seu casamento rumando a um precipício e, finalmente, um medo incontrolável de que seu adversário não pode ser parado.

Eu Sei O Que Você Está Pensando é o inteligente suspense policial de John Verdon, o primeiro da série que tem como protagonista o detetive aposentado David Gurney. Até o momento, outros dois livros além desse primeiro foram lançados: Shut Your Eyes Tight, lançamento da Editora Arqueiro no Brasil como Feche Bem Os Olhos, e Let The Devil Sleep, ainda sem data de lançamento por aqui.
O livro prende desde o início por conta da misteriosa história apresentada. Mark Mellerey procura por Gurney após receber um misterioso bilhete anônimo que muito o intrigou. Nele, o remetente dizia conhecer muito bem seu destinatário, capaz, inclusive, de acertar o primeiro número entre 1 e 1000 que ele pensasse. E Mellerey só procurou o aposentado detetive porque o misterioso corresponde anônimo acertou em cheio o número, aparentemente aleatório, que Mellerey pensou.
Bastou isso para que eu ficasse presa à história até o final tentando desvendar todo o suspense. E a cada página, outras peças vão sendo adicionadas a esse quebra-cabeça indecifrável, ao que tudo indica.
A narrativa, ainda, colabora bastante para que o leitor se veja envolvido na história. Em terceira pessoa, é capaz de descrever tanto o panorama geral das situações quanto às questões internas do protagonista. Aliás, aqui um comentário precisa ser feito: embora a narrativa seja em terceira pessoa, ela segue a visão de David, o que significa termos um conhecimento muito maior sobre ele do que sobre outras personagens. Acompanhamos, sim, seus questionamentos internos, mas isso nem sempre ocorre com outras personagens.
Foram poucos os momentos em que me vi fazendo uma leitura mais superficial, sem estar totalmente conectada ao enredo. Na maioria das vezes, entretanto, estive completamente presa a ele, pensando em possíveis desfechos e soluções, alguns completamente irreais. Confesso que a maior parte das soluções, consegui desvendá-las antes de serem apresentadas, mas nunca muito antes de David. Os pensamentos dele direcionavam os meus e chegávamos às conclusões praticamente juntos.
Também, uma importante parte merece destaque: os problemas pessoais de Gurney. Esses aparecem aos montes, variando desde a infância com seu distante pai até o seu atual casamento. Acredito que o autor foi muito feliz em criar essas questões, tanto por caracterizar e enriquecer ainda mais o personagem quanto para trazer algumas reflexões para o enredo, através de problemas complexos, embora comuns.
O que posso dizer é que estou bastante curiosa para ler a continuação. O livro me agradou bastante e recomendo a todos que gostam de suspenses policiais!




Deixe o seu comentário

65 Respostas para "[Resenha] Eu Sei O Que Você Está Pensando – John Verdon"

Sofia - 31, agosto 2012 às (21:59)

Desde a resenha da Duda quero ler esse livro, por causa de seu assunto misterioso, mas acabei esquecendo… Parece maravilhoso mesmo!

Beijão!
Lendo de Tudo

Responder

Kéziah Raiol - 31, agosto 2012 às (22:28)

Oi Mi, tudo bom?
Tem um tempinho que eu li esse livro.
Achei fascinante a forma como o John consegue criar uma história indecifrável hahaha’
Como você disse, ficamos conectadas ao enredo o tempo todo, adorei!
Parabéns pela resenha.

Beijocas!

Responder

JennyCullen - 31, agosto 2012 às (23:19)

Nossa,eu não sabia que ‘Feche bem os Olhos’ era continuação de algum livro!
Adorei sua resenha,Mi,fiquei curiosa pra lê-lo,parece seu um ótimo romance policial 🙂

Beijooss,
Jennifer

Responder

Clara Beatriz - 01, setembro 2012 às (14:57)

Esse livro deve ser ótimo! Quem sabe algum dia peça em parceria com a Arqueiro? Ótima resenha.
Abraços,
Clara
maravilhosomundodetinta.blogspot.com.br

Responder

Lili - 01, setembro 2012 às (15:37)

Eu sou fã de policiais. Adoro!
Esse com certeza vou gostar, vou atrás Mi. Bom fim de semana.

liliescreve.blogspot.com

Responder

Danzinha - 01, setembro 2012 às (17:25)

Oiie Mi,

O livro parece ser bem interessante, apesar de não estar muito no clima de livros policiais fiquei curiosa com a sua resenha.

Beijos

Amigas entre Livros

Responder

Tais Bruna Castro - 01, setembro 2012 às (19:49)

Faz tempo que não leio nenhum livro nesse estilo.
Sua resenha me chamou atenção, fiquei curiosa.

bjs
Tais
http://www.leitorafashion.com.br

Responder

Alinne - 01, setembro 2012 às (20:53)

Oi Mi.
Eu adoro suspenses policiais! E pelo jeito esse é muito bom,aprecio livros que empolgam e prendem o leitor.Espero um dia poder lê-lo.
Parabéns pela resenha.
Beijão.

Responder

Vanessa - 02, setembro 2012 às (13:06)

Olá 🙂
Adorei a resenha. Faz tempo que eu não leio um suspense policial que me deixa totalmente vidrada. Digo, eu li um faz pouco tempo, mas não era exatamente esse gênero. Enfim, que bom que gostou. Estou curiosa em relação a esse livro, vi resenhas muito positivas. Espero ter uma oportunidade de ler logo 🙂

Beijos, Vanessa.
This Adorable Thing

Responder

Sora Seishin - 02, setembro 2012 às (13:53)

Oi Aione!
Eu já li esse livro e também gostei! Me surpreendi bastante com o final.

Beijos,
Sora – Meu Jardim de Livros

Responder

Wendell Carvalho - 02, setembro 2012 às (15:24)

Eu fico muito curioso com livros policiais, mas não tenho paciência pra levar a leitura até o fim.

Responder

Marcelo Lima - 02, setembro 2012 às (20:37)

não é o meu estilo de leitura , estou correndo de romance policiais pelo fato de demorar séculos para ler. mas falando sobre a resenha está muito boa como sempre 🙂

Responder

Lucas Martins - 02, setembro 2012 às (23:24)

Eu já li ótimas resenhas do livro, Mi, mas nenhuma havia me deixado anormalmente louco para ler. Agora, com a sua, fiquei realmente muito curioso.
Eu gosto bastante de livros de suspense, então sei que esse é um prato cheio, mesmo que possa ter momentos de leitura superficial.
Beijão, Mi!

Responder

Ana Ferreira - 03, setembro 2012 às (00:46)

Mi, também eu, como tantas outras pessoas que decidiram ler “Eu Sei o que Você Está Pensando” fico particularmente curiosa e instigada quanto a essa questão de o cara conseguir descobrir em qual número de 1 a 1000 o protagonista estava pensando. Quero dizer, isso é tão poderoso, especulativo e surreal que o leitor provavelmente só quer mais e mais, tentando desvendar qual o porquê de tudo isso.
Acho que a narrativa em terceira pessoa é a melhor escolha para esses casos, uma vez que não favorece nenhuma visão em particular, dando um panorama amplo ao leitor de tudo que envolve o mistério. Em primeira pessoa a coisa ganha um ar muito pessoal e, às vezes, o culpado pode nos surpreender de uma maneira não tão legal. haha
Adorei sua resenha =)
Beijão!

Responder

Julia G - 03, setembro 2012 às (02:26)

Miiii, que resenha incrível! Eu ganhei esse livro em uma promoção faz um tempinho já, mas ainda não consegui ler, apesar da vontade, e depois dessa resenha acho que vou passar ele na frente de outros. Adoro esses mistérios e ainda mais quando podemos raciocinar junto com um personagem. Fiquei curiosíssima, espero ficar tão vidrada quanto você.

Beijinhos

Responder

Érica Lopes - 03, setembro 2012 às (14:15)

Oi, Mi!
Estou gostando de livros desse estilo!
Acho que quero ler esse também, sua resenha foi bem clara e ótima!
Adoro quando ficou presa na história, é sinal que ela é pouco!

Beijokas

Responder

Eduarda Menezes - 04, setembro 2012 às (02:43)

Mi, esse livro foi a primeira resenha de parceria que eu fiz no blog (a primeira a gente nunca esquece, né? haha). Eu adorei, gosto muito de suspenses policiais (como você já sabe ^^) e achei mega interessante, fiquei louca para saber o desfecho de tudo e desvendar toda essa aparente loucura num crime impossível.
Gostei muito do protagonista e adorava as partes onde todos eles se reuniam para discutir sobre o crime, ficava vidrada nessas horas. Os dramas internos enriquecem a história mesmo. Estou louca pela sequência!
Beijão! Ótima resenha.

Responder

Lindsay - 04, setembro 2012 às (23:10)

Nossa Mi!

Esse livro me deixou eufórica! Adoro esse gênero literário (Suspense
Policial)
Fiquei curiosa para desvendar esse mistério com o detetive David
Gurney rsrsrs
Ótima Resenha, parabéns!

Beijos

Responder

Mariana FS - 08, setembro 2012 às (20:39)

Oi Aione!

O livro é ótimo, né? Eu li no ano passado e gostei muito. Acho que John Verdon é um daqueles autores que prometem muito. Como li faz tempo, já não lembro dos detalhes, mas lembro de ter ficado bastante envolvida com a história e ter achado a resolução muito satisfatória e o ritmo da narrativa muito envolvente.

Estou ansiosissima para ler “Feche bem os olhos”. Solicitei para a Editora Arqueiro, mas está demoraaaando para chegar 🙁 Deve ser proposital…enquanto isso as expectativas crescem..rsrs

Beijos

Responder

Anonymous - 24, março 2013 às (05:22)

Querida Aione cheguei até seu Blog pesquisando sobre esse livro que gostei muito. O que achou do bilhete que o Gurney enviou ao assassino?
Não pareceu primário demais, para um detetive experiente como ele, expor seu endereço?
Achei o único ponto fraco do livro.
Fiquei totalmente preso a leitura. Muito bom.

Responder

Cris Aragão - 01, outubro 2013 às (03:53)

Esse é o meu gênero favorito, e quando além de uma boa trama policial intrigante o autor ainda acrescenta personagens complexos eu fico ainda mais animada para ler e curiosa em desvendar os mistérios da trama.

Responder

Daniela - 01, outubro 2013 às (11:01)

Adoro esse gênero-combo suspense+policial! Eu nunca sei quem é o vilão da história e sempre passo o livro inteiro desconfiando da pessoa errada, rs.
Gosto de livros assim, que prendam a minha atenção e me faça devorar as páginas. Nada mais satisfatório que isso.
Já ouvi falar muito desse livro e está na minha wishlist não é de agora. Sua resenha fez com que eu o quisesse pra ontem para tirar minhas próprias conclusões.

Responder

Andressa Nunes - 01, outubro 2013 às (12:32)

Resenha bem escrita, abordando de forma simples e inteligente o conteúdo, facilitando o entendimento por parte dos leitores.

Responder

Milena Soares - 01, outubro 2013 às (14:05)

Gosto muito desse gênero suspense policial e pela resenha esse parece ser ótimo, fiquei super interessada em ler!

Responder

Mariana Maciel - 01, outubro 2013 às (15:20)

Amo suspenses policiais e ainda mais com tantos quebras-cabeças como você disse! É muito bom quando nos envolvemos no mistério do livro, pensando e mirabolando sobre as possibilidades! Espero ler em breve!

Responder

Unknown - 01, outubro 2013 às (17:27)

Fiquei feliz demais com essa promoção! Eu sei o que vc está pensando está na minha lista faz muito tempo! E agora depois da resenha… e com essa promoção quero todosss!

Rejane Lenz
rejanelenz@gmail.com

Responder

Suzi - 01, outubro 2013 às (17:49)

Eu já li esse livro e adorei!!
Gosto muito da forma que o autor conduz a historia nos deixando cada vez mais envolvidos!!
Amo romances policiais!!
É impossível montar todo o quebra cabeça que o autor criou antes que ele mesmo queira isso!!Um livros que o cérebro funcionar!!
Bjus

Responder

Michele Vaz Pradella - 01, outubro 2013 às (22:13)

Adoro histórias policiais e pelo enredo esse livro parece ser bem envolvente. Já curti!

Responder

Airton Sena - 02, outubro 2013 às (00:11)

Livros com enigmas, suspense e investigações me fascinam. São daqueles que parecem como se lhe pegassem pelo braço e lhe levassem até a última página. Infelizmente não tive a oportunidade ainda de ler muitos do gênero. Mas lendo sua resenha vi que PRECISO ler esse livro.

Responder

beth - 02, outubro 2013 às (00:26)

Estou lendo este livro e estou gostando muito. Tem tudo o que um leitor possa gostar: ação, suspense e muita emoção. Não vejo a hora de chegar na parte final. Beijos.

Responder

Maristela G Rezende - 02, outubro 2013 às (01:23)

Acho que já umas duas ou três resenhas sobre esse livro e me interessei muito por ele. Agora lendo sua resenha, meu desejo de ler só aumentou. Gostei muito da resenha.

Responder

Thaysa Rocha - 02, outubro 2013 às (02:34)

Este comentário foi removido pelo autor.

Responder

Thaysa Rocha - 02, outubro 2013 às (02:35)

Sinistro. Preciso da explicação do porquê esse cara consegue acertar o número que a garota pensa. Para, eu sou muito curiosa! haha Livros policiais me deixam muito empolgada. Vai ver que por isso, quando eu era era criança, sonhava em ser detetive. rs

Beijos!
http://www.livrosqueinspiram.blogspot.com

Responder

Vanessa Grandin - 02, outubro 2013 às (13:27)

Adoro livros de suspense policial….quando começo não consigo parar enquanto não terminar!
Ainda não li nenhum livro desse autor, mas espero conseguir ler em breve !

Responder

Renata Lopes - 02, outubro 2013 às (14:02)

Amo livros de suspense….Gostei muito da historia me deixa com mais vontade de ler, A resenha ficou ótima. =)

Responder

Rafaela Vyviane - 02, outubro 2013 às (17:13)

Gostei demais da descrição do livro. Faz um tempinho que quero começar a ler suspenses policiais, mas até agora não deu. Quero muito lê-lo, me deixou curiosa demais!!! =)

Responder

matheus aguiar - 02, outubro 2013 às (17:21)

Gostei da resenha desse livro… Quero muito!! :))

Responder

Amanda Z. Dutra - 03, outubro 2013 às (03:56)

Suspense policial????? Já entrou pra lista hahahaha
Adorei sua resenha, que nos deixa bem no clima de quero mais…..agora sou obrigada a pegar e ler né!
Valeu a dica 😀

Beijo

Responder

Iure Carvalho - 03, outubro 2013 às (23:31)

Gosto de ler thrillers… e com a fama deste autor, fiquei mais curioso. 🙂

Responder

Cibele Santos - 04, outubro 2013 às (16:54)

Que otimo autor é John Verdon, seus livros são impressionantes, desde que eu vi o suspense policial: Feche bem os olhos, fiquei louca para ler todos da série, e amei este eu sei o que você está pensando, é um livro que lendo a partir da resenha, prende a sua atenção do começo ao fim e levanta aquele suspense, um monte de quebra-cabeças que deixa o leitor ansioso, amo livros de suspense policiais, não vejo a hora de ler a série…
😀

Responder

Tainara H. - 05, outubro 2013 às (18:27)

Como o gênero policial é de longe o meu preferido, me interessei imediatamente por esse livros e pelos outros livros do autor lançados posteriormente e essa se tornou uma das séries (?) que eu mais me interesso em ler. Adorei a história e só ouço elogios para o autor, que conseguiu conquistar vários fãs do gênero no Brasil e tenho certeza que eu serei mais uma. Espero conseguir ler em breve. Ótima resenha! ;D

Responder

Mylena Soares - 05, outubro 2013 às (20:50)

Quero mais do que nunca esse livro…sou fascinada pelo John Verdoon e pela suas histórias perfeitas! A resenha foi maravilhosa, faz a gente querer esse livro AGORA!
Muito boa, parabéns ;*

Responder

Shadai - 05, outubro 2013 às (23:28)

Adoro suspenses policiais e esse parece ser excelente. Totalmente intrigante e com escrita inteligente de botar dramas pessoais no protagonista.
Preciso ler um dia algo desse autor.

Responder

Aline Coelho - 06, outubro 2013 às (19:24)

Esse livro é mesmo muito interessante, desde que li a resenha da Duda fiquei muito curiosa. Adoro esse estilo de livro e com certeza pretendo ler o quanto antes. Parabéns pela resenha ficou ótima.

Leituras, vida e paixões!!!

Responder

Eykler Simone da Mota Daniel - 06, outubro 2013 às (19:31)

Esse livro é fantástico. A escrita de John Verdon é perfeita, é um livro que enquanto não vemos o final, não dá pra soltar o livro… Sua resenha ficou perfeita, pude rever o livro enquanto a lia. Parabéns.
Eykler

http://www.aghridoce.blogspot.com.br

Responder

Pamella Moura - 07, outubro 2013 às (21:57)

Adorei sua resenha e o livro me chamou bastante atenção, porque amo esse gênero e a história parece muito interessante. Já entrou na minha lista de desejados (;

Responder

Gislayne Perez - 08, outubro 2013 às (15:26)

Esse gênero literário não é meu preferido, mas eu gosto muito de ler coisas diferentes… Não tenho preconceito… Adoraria ler esse livro… Parece ser bem legal…

Responder

Adm - 09, outubro 2013 às (00:15)

Eu amo livros policiais! Estou curiosa para ler!

Responder

SR. LIVRO - 09, outubro 2013 às (01:22)

Este comentário foi removido pelo autor.

Responder

SR. LIVRO - 09, outubro 2013 às (01:32)

Incrível!

Responder

Tâmara Moya - 09, outubro 2013 às (12:49)

Oi FLOR
Esse é um daqueles livros que te deixa super intrigada e envolvida, doidinha para saber o grande desfecho. A história parece ser bem criativa e o enigma parece ser quase insolúvel.
Acredito que a escrita do autor é bem envolvente e o livro é recheado de suspense (adorooooo)!
Bjus

Responder

João Vitor Maia - 09, outubro 2013 às (15:42)

Nossa muito boa a resenha! Parece ser um livro incrível, quero muito ler um dia.

Responder

Nardonio - 10, outubro 2013 às (13:44)

Acho o John Verdon um dos melhores autores de suspense policial da atualidade. A narrativa dele é mesmo muito boa. E suas tramas bem intrincadas também não deixam a desejar. O legal nele é que ele consegue muito bem unir as cenas de investigação com as cenas mais pessoais da personagem principal. Não tem como não se render aos livro dele.

@_Dom_Dom

Responder

Willian - 10, outubro 2013 às (22:51)

Resenha bem elaborada, abordando pontos relevantes do livro, familiarizando os leitores com o conteúdo, despertando o interesse.

Responder

Larissa Lins - 12, outubro 2013 às (21:23)

Suas resenhas como sempre ótimas, só li um livro do autor e amei, fiquei doida pra ler esse também

Responder

Meiriellen Nascimento - 13, outubro 2013 às (14:07)

Adorei a resenha.

Responder

Victor Lacerda    - 14, outubro 2013 às (18:11)

Adoro esse estilo de livro, porém não conheço o autor. Parabéns pela resenha 😀

Responder

Ruan Victor - 15, outubro 2013 às (15:25)

AMo suspense e esse livro parece ser dos bons! Pela resenha me deu uma louca vontade de ler!

Responder

Roberta Krutzmann - 16, outubro 2013 às (11:53)

Uau, acredito que depois de ler aquele bilhete anônimo qualquer um ficaria preso à história né? Eu ainda não li o livro, mas todas as resenhas que tenho visto dele – sem contar os elogios ao autor – tem me feito cada vez mais colocar ele na minha lista de prioridades, ainda mais se tratando de um suspense. E como você disse, se a história nos prende praticamente de início ao fim, para quem gosta desse gênero realmente fica difícil de não querer – enlouquecidamente – ler esse, ou qualquer livro desse autor.

Responder

Paloma Montecino - 16, outubro 2013 às (12:58)

Este comentário foi removido pelo autor.

Responder

Paloma Montecino - 16, outubro 2013 às (13:00)

esse livro com certeza entrou para minha de “livros que preciso ler”. A resenha me despertou muito o interesse para ler os livros desse autor, que segundo me disseram é um dos melhores nesse gênero.

Responder

Edcléia Ferreira Damasceno - 17, outubro 2013 às (22:11)

Oiii gostei…com certeza este entrou na minha lista de livros pra ler falta..

Edcléia Ferreira

Responder

Lorena D'Andrade - 18, outubro 2013 às (14:14)

Meu irmão leu esse livro e super me indicou. Está na minha wishlist há algum tempo. Gostei bastante da tua resenha!
Sucesso no blog!

Responder

yasmin - 19, outubro 2013 às (02:21)

Gostei da resenha, nunca tinha ouvido falar desse autor, pois a maioria dos livros policiais q vejo por aí, são do Harlan Coben e do James P, mas vou procurar mais resenhas por aí pra le-lo

Responder

Gabriela C. - 19, outubro 2013 às (23:58)

Cara, sou louca nos livros do John Verdon. E esse já te prende desde a capa neh. Com a resenha me empolguei mais ainda, e espero ler o quanto antes.

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil