[Livros Na Telona] Da Magia À Sedução - Alice Hoffman | Minha Vida Literária
31

out
2012

[Livros Na Telona] Da Magia À Sedução – Alice Hoffman

Livros Na Telona é uma coluna na qual analiso filmes que foram baseados em livros!

Sobre o Livro

Título: Da Magia À Sedução
Autor: Alice Hoffman
Editora: Rocco
Número de Páginas: 261
Ano de Publicação: 1999
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Não foi minha intenção fazer esse post hoje. Quero dizer, era, mas era minha intenção postá-lo nessa quarta-feira, não por ser 31/10, só me dei conta do fato ao programá-lo. Não costumo acreditar muito em coincidências, ainda mais quando se trata de algo tão perfeito como Halloween e bruxas. 
Como no último post dessa coluna, Da Magia à Sedução foi um dos casos em que primeiro assisti ao filme para, só depois, ler o livro. Aliás, devo dizer que, até há pouco mais de um mês, eu não fazia ideia de que o filme fosse uma adaptação literária. O fato de gostar muito do filme provavelmente influenciou negativamente minha leitura. Assim, precisei me esforçar para olhar o livro com uma visão distante do enredo do filme.
Um fato inegável é que a escrita de Anna Hoffman cativa o leitor. O livro não é dividido em capítulos, apenas em quatro diferentes partes sem subdivisões. No máximo, alguns trechos eram separados por espaços entre si, mas a narrativa é corrida de um modo geral. Isso pode vir a se tornar cansativo, já que o leitor precisa ler mais, caso queira fazer uma pausa em algum momento que não o meio de uma página. Ainda, há poucos diálogos no livro. Ele se constitui quase que inteiramente da narrativa em terceira pessoa, cujo ponto de vista varia entre os mais diversos personagens na história. Contudo, a habilidade da autora consegue tragar o leitor sem que o cansaço seja percebido; a vontade em proceder na leitura é contínua.
Por outro lado, o livro é bem menos mágico do que a representação nas telas – e foi justamente esse o ponto que me decepcionou. Fiquei esperando pela magia, que tanto me fascinou, e ela aparece em sutis e moderadas doses. Diria, inclusive, que o livro representa muito mais a realidade: há conflitos internos das personagens, além dos externos entre elas, e o enredo procura, justamente, apresentá-los e desenvolvê-los para o leitor. A grande sacada da autora foi incluir, sutilmente, a questão da magia, de forma a desenvolver a história mais graciosamente, além de diferenciá-la de uma história comum que representa  esse tipo de conflitos. Mas não espere que a magia seja tão pronunciada como no filme, ela não o é.
De modo geral, a leitura me agradou, ainda que tenha sido diferente do que eu imaginava e isso tenha me decepcionado um pouco; a escrita da autora foi o que mais me fez gostar do livro. Ela soube como construir frases de impacto fantásticas, além de ter conduzido muito bem o enredo. Todas as personagens são complexas, e ficava fascinada com a maneira de como ela conseguia parar uma cena para narrar um acontecimento passado ou apresentar a personalidade de alguma personagem e, depois, retornar ao ponto congelado como se nada tivesse acontecido. Além disso, gostei da mensagem transmitida: a de que é impossível fugir do que se é e, caso se insista na negação, o caminho trilhado será muito mais doloroso do que simplesmente aceitá-lo.
Por fim, é preciso ressaltar, também, a importância do amor na história como maldição e salvação. Embora eu tenha sentido falta da mágica vista no filme, essa última é incapaz de desagradar e mostra-se a mais forte capaz de existir, independentemente se na ficção ou na realidade.
Sobre o Filme
Como já dito, sou apaixonada pelo filme. Os elementos mágicos presentes me encantaram completamente. 
A começar pela lenda das Owens. A cena inicial é de arrepiar e uma das mais marcantes do filme, e sequer existe no livro. Depois, é difícil não ficar encantada pela forte ligação entre as irmãs, mesmo que tão diferentes uma da outra. Sally luta constantemente pela normalidade, enquanto Gilly ambiciona o poder da irmã, mas, nem por isso, a ligação de ambas é menor.
Sandra Bullock e Nicole Kidman definitivamente estão perfeitas nos papeis, inclusive se considerarmos o livro. Enquanto Sandra transpira sensatez, Nicole transborda sensualidade e desvario. Não consigo pensar em outras pessoas que pudessem interpretar as irmãs, inclusive imaginei as atrizes enquanto fazia minha leitura.
Ainda que bem diferente do livro, vários elementos do original estão presentes na adaptação. Contudo, é preciso ressaltar que o filme realmente foi uma adaptação: baseou-se em elementos chave, mas seguiu seus próprios passos. 
É impossível, para mim, dizer qual dos dois é melhor. Ambos são diferentes e me agradaram de diferentes maneiras. Gosto mais do filme porque o classifico de uma maneira na qual o livro não se encaixa, sem contar que o conheci primeiro e foi essa a história que me marcou. Talvez, se eu tivesse lido primeiro, o filme não me agradasse tanto.
O filme tem diversas cenas divertidas que lhe conferem uma leveza maior do que o livro, mais denso. Assim sendo, ele possibilita que você ria, chore, suspire e tenha as mais diversas emoções ao assisti-lo. Se você procura algo mais profundo, mais relacionado a como as pessoas funcionam e como podem ser diferentes umas das outras, então procure o livro. Se sua intenção é simplesmente se deliciar com um bom entretenimento, – sem deixar de refletir sobre alguns pontos -, então não hesite em assistir ao filme. 
Confira aqui o trailer do filme!

 



 





Deixe o seu comentário

22 Respostas para "[Livros Na Telona] Da Magia À Sedução – Alice Hoffman"

✿Nessa✿ - 31, outubro 2012 às (13:01)

Oi MI*
Nossa, que legal!
Não faz muito tempo, eu estava em casa e este filme passou na sessão da tarde, eu nunk tinha assistido e adorei, pq gosto de filmes assim tbm!!
Fiquei de boca agora quando vi que tem o livro, que legal!!!
Até o momneto li sua resenha e não tinha percebido que era aquele filme, só depois que vi o trailer logo abaixo que me lembrei!!

Adorei a dica!!

Responder

Beatriz Gosmin - 31, outubro 2012 às (13:22)

Adoro essa atriz, não conhecia o livro!
Adorei o post, bastante informativo!

Beijos MI!!!

http://www.livroseatitudes.com.br

Responder

Angélica Roz - 31, outubro 2012 às (13:52)

Oi Aione!

Eu também adoro o filme! Já vi umas mil vezes!! E, sempre que está passando na tv, assisto novamente. Hehe!
Eu morro de vontade de ler o livro!! Mas não o encontro para vender em lugar algum. 🙁 Acho que vou ter que comprá-lo no site Estante Virtual, pois foi o único lugar em que o encontrei.
Que pena que o livro não correspondeu às suas expectativas. Como eu também adoro o filme, acho que vou acabar tendo a mesma opinião de você.
Eu imaginava que o livro fosse ainda mais mágico que o filme! O.O

Beijos!!

Responder

Lili - 31, outubro 2012 às (16:41)

Eu também AMO esse filme, foi meu preferido por anos.
A cena perfeita para mim é quando Gilly chega à escola para acompanhar a irmã e provoca as outras mães.

Eu tentarei achar um espacinho para ler esse mês, mas estou bem contente que tenha na biblioteca, pertinho aqui para eu ir buscar 2 exemplares.

Curiosa, porque adoro esse aprofundamento dos personagens.

liliescreve.blogspot.com

Responder

Colina do Tordo - 31, outubro 2012 às (17:14)

Faz um tempinho que descobri que o filme era uma adaptação de um livro. Achei legal. Mas que pena que ele não tem aquela magia do filme. Realmente o filme é muito legal.

Beijos

Responder

Neiva Meriele - 31, outubro 2012 às (20:20)

MI, para o trem que eu quero descer. Jura mas jura mesmo que esse filme foi baseado num livro? Já assisti muitas e muitas vezes esse filme e nunca sonhei que fosse um livro. Apesar de eu não ter lá uma ligação muito forte com magia e sobrenatural esse é o filme do gênero que mais me atraiu.

Beijos!

Responder

Neiva Meriele - 31, outubro 2012 às (20:22)

Só pra concluir, é que eu sou meio lesada as vezes. É nesse filme que o cara tem um olho azul e outro verde ou eu sonhei???

Responder

Van Castro - 31, outubro 2012 às (21:15)

Só pela capa o livro parecia ser mais ‘sério’ do que o filme mesmo.
Pra falar a verdade, eu prefiro livros com mais diálogos e menos divagações, então não sei se ia curtir muito esse livro hehe
Por isso é bom passar pelo blog antes de ler algum livro ;D
Beijos

Responder

Camila - 31, outubro 2012 às (22:26)

Menina,
Nem sabia que o filme era baseado em um livro!! Hehehehe
E eu adoro essa história!
Beijos
Camis – Leitora Compulsiva

Responder

Alice Aguiar - 31, outubro 2012 às (22:42)

gente eu nem sabia q era livro tbm xp
eu adoro esse filme

Responder

Raquel Machado - 01, novembro 2012 às (00:43)

Oi flor,
Adoro essa sua coluna sabia….então sabe que me lembro sutilmente desse filme sim porque ele e bem antigo ne? Mas assim concordo contigo sobre a sandra e a nicole elas são ótimas atrizes mesmo e também me marcou as tias delas ahahah são duas também ne???ou me enganei? enfim amooo tudo relacionado a magia e bruxas e claro que adorooo esse filme e não sabia do livro fiquei sabendo por aqui mas ele e bem dificil de achar ne…affs se morassemos perto certo que ia te pedir emprestado ahauhaua…adorei o post. Feliz dia das bruxas
Bjsss
Raquel Machaod
Leitura Kriativa
http://leiturakriativa.blogspot.com/

Responder

Preto no Branco - 01, novembro 2012 às (05:52)

Oii Flor!!
Já assisti a esse filme e gostei bastante dele, haha. Foi realmente um coincidência daquelas, ein? rs. Ou será destino? :O.
Nunca li o livro, mas também não pretendo fazer a leitura, rs.
BEijoo!!

Responder

✿Nessa✿ - 01, novembro 2012 às (11:05)

Oi Mi*
Por acaso você conhece alguém que faz capas para livros com alça?
Estou na procura…

Bjinhs*
https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

Responder

Alinne - 01, novembro 2012 às (18:44)

Oi Flor!
Eu desconhecia completamente a respeito de ambos, mas agora fiquei curiosa tanto para ler quanto para assistir ao filme!
Beijos.

Responder

Danzinha - 01, novembro 2012 às (19:49)

OMG! Jamais iria saber que este filme foi baseado em um livro se você não tivesse escrito este post. Sou apaixonada pelo filme e já o vi diversas vezes, e a mágica contida nele é sensacional, assim como a lenda. Enfim, eu adoro o filme, mas, não sei se leria o livro.

Beijos

Responder

Marcelo Lima - 01, novembro 2012 às (23:36)

nha porque será que sempre falta a magia ? sério , aconteceu isso com glimmerglass entre outros livros… acho que me contentarei apenas com o filme 🙁

Responder

Lis - 03, novembro 2012 às (05:43)

Oi Mi, como tá sua linda?

Fiquei super interessada, tanto no livro como no filme, mas pelo modo que você fala do filme não tem como não querer assistir ele pra ontem.
Como eu não vi nem assisti o filme vou providenciar os dois, mas vou dar prioridade para o filme rs

Beijos
Lis – Batalha Literária

Responder

Lygia Netto - 03, novembro 2012 às (18:48)

Gente! Esse filme é MARA! Deu até vontade de assistir agui, hehe.

Não sabia que existia livro =O Fiquei chocada! Agora vou procurar saber mais. E REALMENTE, não dá para imaginar outras atrizes interpretando os papéis! (adoro a Sandra! <3)

Beijos!

Responder

Lucas Kammer Orsi - 25, novembro 2012 às (12:14)

Nossa, eu não sabia da existência do livro. Já assisti o filme há alguns anos e gostei bastante! Vou dar uma procurada na biblioteca aqui perto para ver se acho!

Beijos
Lucas
ondeviveafantasia.blogspot.com.br

Responder

Davi - 25, abril 2015 às (11:50)

Olá Aione, onde encontrou o livro? faz mito tempo que venho a sua busca mas nunca encontro.

Responder

Natália Z - 27, junho 2015 às (11:43)

Oi! Terminei de ler o livro hoje e tive o mesmo sentimento! Fiquei anos a procura dele porque me apaixonei pela história do filme, mas no caso no primeiro momento foi um choque ao ler o livro por ser bem diferente do filme, e tentei ao máximo até as últimas páginas fazer tal separação. E o engraçado é que normalmente sempre usamos a frase de que “o livro é bem melhor que o filme”, talvez porque assisti o filme um milhão de vezes antes e assistir toda vez pra me sentir bem…vou sempre preferir essa versão da história!

Responder

Becca Martins - 30, julho 2015 às (23:47)

Oi Aione!
Eu gostei tanto do filme, não sabia que era uma adaptação.
E que capa mais bizarra do livro ein? kkkkkk
A Rocco bem que poderia relançar.
Não sei se vou animar a ler, por já ter visto o filme e ter gostado demais.
Mas, se fosse relançado com uma capa melhorzinha acho que animaria com toda certeza.
Beijos!

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil