[Resenha] Segredos de Minha Vida em Hollywood: Princesa Paparazzi - Jen Calomita | Minha Vida Literária
09

nov
2012

[Resenha] Segredos de Minha Vida em Hollywood: Princesa Paparazzi – Jen Calomita

Título: Princesa Paparazzi
Autor: Jen Calomita
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 336
Ano de Publicação: 2012
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Mesmo com a temporada final de Family Affair se aproximando, a superestrela adolescente Kaitlin Burke não está nem perto de decidir o quê fazer com sua carreira. Depois de dez anos vivendo Samantha, a personagem que se tornou queridinha da América e que impulsionou sua carreira, Kaitlin precisa dar um passo certeiro. Para isso ela conta com a mãe, a agente, o namorado… um staff que, aparentemente, sabe o que é melhor para ela. Será?

Iniciei a leitura de Segredos de Minha Vida em Hollywood: Princesa Paparazzi com certo receio. O livro é o quarto de uma série e não li seus antecessores, esqueci-me desse detalhe ao solicitá-lo. Assim, temia ficar confusa durante a leitura, bem como achá-la superficial demais por conta dos primeiros capítulos. Aos poucos, fui notando meu engano.
Ainda que eu não tenha lido os primeiros volumes, é completamente possível compreender a história sem se sentir confuso. Há a menção de acontecimentos passados, mas nada que impeça a compreensão do enredo. Também, parte do apego sentido pelos personagens não aconteceu, uma vez que, sendo o 4º livro de uma série, o período de conquista e apresentação ao leitor já aconteceu há muito.
A maneira da autora escrever é gostosa de ser lida e segue o padrão de chick-litsinfanto-juvenis. A linguagem é simples, muitas vezes típicas de adolescentes, o que proporciona uma leitura leve, rápida e divertida. A autora, ainda, fez positivamente o uso de reportagens fictícias em revistas entre alguns capítulos, além do roteiro de algumas cenas do seriado estrelado pela protagonista, que tanto dão humor a esses momentos como ilustram a divergência entre a realidade e o divulgado, no caso das reportagens, e a estrutura dos bastidores de um seriado, no caso dos roteiros. Como Jen Calonita é, também, jornalista e já entrevistou diversas celebridades de Hollywood, muito do que está no livro é baseado em suas experiências, o que o torna mais rico do que se fosse resultado de mera imaginação e pesquisa.
Gostei do livro porque não imaginava que ele me envolveria tanto. A história é previsível, mas o que me surpreendeu foi sua capacidade de despertar em mim tantas emoções. Primeiro, achei Kate uma protagonista bem construída e muito madura para sua idade e condição, ela poderia ser uma jovem fútil e egocêntrica e não o é. Ao passar por um período de muita pressão, senti-me sufocar junto com ela (e é a esse momento que me refiro quando digo que o livro despertou as mais diversas emoções em mim). Aliás, na mesma medida em que gostei de Kate, odiei sua mão. Ela certamente merecia ser indicada à categoria de “pior mãe da ficção” exatamente por ser tão egoísta. Foi a personagem que mais me irritou e a que mais me fez sentir na pele a indignação que a protagonista estava sentindo.
Não posso deixar de falar, também, que o clima de despedida por conta do encerramento da série Family Affair me fez pensar demais em como deve ser para os artistas quando uma série termina. Cada vez que assisto Friends, sinto um aperto no peito ao chegar nos últimos episódios porque é inevitável pensar como deve ter sido difícil para a equipe inteira se despedir após dez anos juntos. Princesa Paparazzi me fez ter uma boa noção de como deve ter sido.
O livro é feito para o público infanto-juvenil e, por isso, deve ser lido de maneira despretensiosa pelos mais velhos. Assim, fica possível fazer uma leitura agradável, que demonstra bem as complicações surgidas durante um período de grandes mudanças na adolescência. Gostei do livro como volume único e acredito que teria me sentido igualmente satisfeita como desfecho da série, caso eu tivesse lido os demais. Não é uma leitura imperdível ou espetacular, mas cumpre bem o papel de entreter.




Deixe o seu comentário

20 Respostas para "[Resenha] Segredos de Minha Vida em Hollywood: Princesa Paparazzi – Jen Calomita"

Alinne - 09, novembro 2012 às (17:07)

Oi Mi.
Eu também tenho receio em ler algum volume de determinada série sem ter lido o antecessor, mas já fiz o teste e foi assim como aconteceu com você, por isso deixo o medo de lado e sempre me arrisco! A respeito dessa série parece ser bem interessante, gostei de saber que se trata de uma leitura leve e agradável, se eu tiver oportunidade lerei com certeza.
Beijos.

Responder

Natalia Fanti - 09, novembro 2012 às (17:52)

Eu amo chick-lits e amo livros infanto-juvenil, então eu fiquei muito curiosa para ler essa série.

Beijos

Responder

Rafael Fernandes - 09, novembro 2012 às (17:52)

Oi querida,
Ainda bem que é possível ler sem ter lido os outros, imagine só o tempo para ler os outros 3. Estou com ele aqui pra ler, mas não sei quando, é o tipo de leitura que não tem nada a me acrescentar, mas como tu disse vem pra entreter, e gosto de livros assim
Beijos.

Responder

Thamires R. - 09, novembro 2012 às (21:04)

Oi Mi!
Eu já ouvi falar no nome desta série, mas nunca me interessei. Agora que parei para ler com mais calma a sinopse e a sua resenha, vi que posso gostar destes livros.
Mas mesmo que ela não traga nada adicionar na vida, deve ser uma leitura gostosa.
Beijos.

Responder

Lygia Netto - 09, novembro 2012 às (23:26)

Oi Aione!

Eu consegui um dos volumes na feirinha, o de capa branca (só não sei qual volume é, mas com certeza não é o 4º, hahaha).
Comprei na época mais por indicação da Mari, mas imaginei que a narrativa seria simples mesmo, apenas para entretenimento simples! 🙂

Beijos!

Responder

Ana Ferreira - 10, novembro 2012 às (01:27)

Mi, entretenimento é algo sempre importante em qualquer rotina literária, não? Ainda mais quando você consegue gostar de um livro que é o 4º de uma série sem ter lido os seus antecessores.
Lembrou-me, até um certo ponto, de um livro também da Galera Record que li recentemente.
Infanto-juvenis são sempre um sopro de ternura. haha
Adorei a resenha ^^
Beijo!

Responder

Lili - 10, novembro 2012 às (02:11)

É bom quando os livros nos fazem refletir sobre algo né?
Eu fico pensando se é triste ou um certo alívio, se não deve chegar um ponto em que você se confunde e já não sabe mais qual é a sua vida e qual é a do personagem, já que ele vive com você tanto tempo, você convive com aquelas pessoas todo aquele tempo…

Voltando ao livro, parece ser delicinha. E eu, embora adore séries, gosto quando os livros conseguem dar conta neles mesmos. Os autores deveriam trabalhar mais isso. Não necessariamente tornar totalmente independentes, mas fazer que não seja preciso conhecer os demais para cada uma das séries. Sejam apenas histórias somadas que se complementam (mas não totalmente independente).

Acho que não fui clara.

Enfim! Bom fim de semana!!

Laise
liliescreve.blogspot.com

Responder

Um dia a Cada Livro - 10, novembro 2012 às (02:44)

Olá!
Então, eu já ouvi falar nessa série, e até lembro que cheguei à marcá-la como desejado no skoob, mas por algum motivo tirei. Não tenho muito a ver com esse tipo de estória, não gosto tanto, mas já li algumas resenhas que foram favoráveis ao livro e fiquei curiosa. E é ótimo quando um livro desperta emoções na gente, não é?
Parabéns pela resenha
Beijos

Andressa
umdiaacadalivro.blogspot.com.br

Responder

✿Nessa✿ - 10, novembro 2012 às (10:27)

Oi Mi*
Assito pouco tv e séries, na verdade a única que eu assisto é TVD.
Não conhecia este livro e nem a ´serie, e pela sua descrição não me interessei muito pelo livro, mas eu achei a capa dele super fofa!!

Bjinhs*
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

Responder

Sofia - 10, novembro 2012 às (18:07)

Gostei bastante do livro, deve ser bom! Como você disse é um livro leve, rápido e divertido, as vezes é bom ler algo do tipo. Livros que nos fazem refletir são incríveis, ainda mais de diversas formas! Mas confesso, que o livro não me despertou muita curiosidade, mas quem sabe, rsrs!

Beijos

Responder

Milena - 10, novembro 2012 às (22:03)

Oi, Mi!

Que legal que mesmo sendo o quarto livro de uma série, você conseguiu compreender a história! Esse é um ponto superpositivo, porque significa que consegue conquistar leitores em qualquer volume, fazendo com que o leitor se interesse pelos outros! 😀 Eu adoro chick-lits (você sabe, ahahaha) e ainda mais os chick-lits juvenis! Adoro!

Parabéns pela resenha!

Beijos,
Milena – Livros na Cabeça

Responder

Mari ♥ - 11, novembro 2012 às (02:19)

Oi Mi,

Eu também tenho eu receio quando começo a ler um livro de determinada serie sem ter lido os outros, mas as vezes eu me arisco.
Esse ainda não conhecia, mas vi que ele é bom pra aqueles dias que você quer uma leitura mais leve e jovem talvez, só pra entretenimento.
Gostei dessa dica, vai pra listinha como sempre os livros que você posta algo aqui rs.
Beijos
http://marifriend.blogspot.com.br

Responder

Amanda Faustino - 11, novembro 2012 às (17:41)

Eu tenho vontade de ler essa série, parece ser divertida. E acho as capas bem bonitinhas.
Eu nunca gosto de ler um livro que é de uma série que eu não li os outros, eu simplesmente não consigo. Só quando não precisa ler o antecessor para entender.

Beijos,
Mandi – Book and Cupcake.

Responder

Marcelo Lima - 11, novembro 2012 às (20:31)

eu gosto de livros leves , tenho vontade de ler essa série , mas eles são meio caros rs

Responder

Lucas Martins - 12, novembro 2012 às (03:15)

Mi, vou ser sincero que este livro não me interessa muito.. Não sei, a série em si não me interessa.. Acho que já envelheci 😛
Mas é bom quando dá para ler um volume do meio de uma série, sem ter lido os anteriores.
Beijão!

Responder

Camila Costa - 12, novembro 2012 às (09:18)

Oi Aione!
Adoro quando acontece da gente começar a ler um livro meio receosa e acabar gostando dele justamente por ter nos envolvido tanto. Ser surpreendida positivamente é sempre bom 😉
Eu ainda não conhecia o livro, nem a série, mas gostei parece ser interessante; caso a oportunidade surja, lerei sem dúvidas!
Beijão flor!

Responder

Eduarda Menezes - 13, novembro 2012 às (15:24)

Oi, Mi!
Ah, é super chato quando a gente compra/adquire um livro sem saber que há outros antes dele, né? Imagino a decepção. Felizmente deu pra ler esse sem maiores problemas. Procuro sempre ler na ordem, apesar de já ter feito isso algumas vezes, principalmente quando o livro é independente.
Parece ser uma história interessante, mas leve. Legal, principalmente pelo fato da autora ter conhecimento do mundo que está abordando, deixa a história mais crível.
Imagino como o final de um seriado (ou até uma série de filmes, como HP, por exemplo), deve afetar os atores, afinal, eles passaram anos e anos unidos.
Beijoss!

Responder

Raquel Machado - 13, novembro 2012 às (22:25)

Oi flor,
Não conhecia esse livro mas ele parece ser bem fofo…agora eu não entendi direito ele e uma serie? ou era para ser uma serie? Pelo que entendi ele e um chik lit ne?achei a capa meio estranha mas enfim…kkk
Bjsss
Raquel Machado
Leitura Kriativa

Responder

Isabela - 16, novembro 2012 às (02:25)

Oi meninas,
Ja li todos os livros já lançados dessa serie e me apaixonei por Kaitlin e sua vida ‘hollywoodiana’ que recomendo para todas a leitura da serie. É uma leitura gostosa e que flui sem que percebemos,e que pode sim trazer alguma ‘moral’ para quem esta lendo. Não tem com nao se apaixonar pelos livros de Jen Calonita..essa serie é encantadora no sentido mais meigo da palavra!
Não vejo a hora de lançar a continuação de Princesa Paparazzi!
Beijosss

Responder

Ni Portela - 18, novembro 2012 às (13:59)

Só fui ficar curiosa quando você citou Friends. Ain, o livro deve ser tão amorzinho de ler ): <3 Mas acho que, se for para ler, quero começar do primeiro, mas está longe de ser prioridade… Mas, ain, que fofo!

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por