[Resenha] Resposta Certa - David Nicholls | Minha Vida Literária
30

ago
2013

[Resenha] Resposta Certa – David Nicholls

Título: Resposta Certa
Autor: David Nicholls
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 346
Ano de Publicação: 2012
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

O ano é 1985. Brian Jackson, com uma bolsa de estudos e ótimas notas, acaba de entrar para a universidade. E parece que finalmente conseguirá realizar um antigo sonho: aparecer em um popular programa de perguntas e respostas na televisão, onde poderá demonstrar todo o seu repertório de cultura geral. Após entrar para a equipe da faculdade e passar pela fase classificatória, Brian se prepara para seu primeiro embate televisivo, ao mesmo tempo em que se vê apaixonado por uma de suas colegas de time: a linda, inteligente e assustadoramente elegante Alice Harbinson. Quando Alice se recusa a ceder aos encantos ligeiramente ansiosos de Brian, ele aparece com um plano infalível para conquistar o coração de sua amada de uma vez por todas. Ele vai ganhar o jogo. A qualquer custo. Porque, afinal, todos sabem que o que uma mulher realmente procura em um homem é uma vasta gama de conhecimentos gerais…

Tendo Um Dia como um dos meus livros preferidos, eu certamente precisava conhecer mais do trabalho de David Nicholls. Ainda que minha segunda experiência tenha ficado longe de me arrebatar como a primeira, apreciei Resposta Certa a ponto de notar o talento do autor em obras tão diferentes.
A começar pela narrativa. Diferentemente de Um Dia, narrado em terceira pessoa, Resposta Certa é contado sob o ponto de vista do adolescente Brian em primeira pessoa. O livro é recheado de humor e foi isso o que mais me cativou em toda a obra, sem sombra de dúvidas. Nicholls faz uso de um humor inteligente e irônico, tanto na construção de pensamentos de Brian quanto nas situações – um tanto quanto inusitadas – pelas quais ele passa.
Aliás, o personagem é o que faz de Resposta Certa ser o que é. Brian é ingênuo no sentido de ter uma visão peculiar, sobre si e sobre o mundo, a qual o faz vivenciar diferentes acontecimentos sem que ele se dê conta deles. Se eu pudesse usar um adjetivo um tanto quanto informal para descrevê-lo, utilizaria “sem noção” e é justamente isso o que faz do livro – e Brian – hilário. Ainda, gostei da maneira de como o personagem foi percebendo e modificando seus conceitos conforme ocorria seu processo de amadurecimento.
De forma sutil, o autor também conseguiu embutir algumas reflexões ao longo do enredo, principalmente ligadas aos relacionamentos: amorosos, familiares, entre amigos. Ainda que Resposta Certa esteja longe de apresentar a intensidade e o impacto de Um Dia, ficou claro para mim que ambos, cada um a seu modo, apresentam fortes doses de realidade em suas construções. Embora este seja recheado de situações inusitadas, consegui enxergar essa veia realista do autor, principalmente no desfecho do livro.
Apesar de eu ter apreciado a leitura, de modo geral, não posso afirmar que ela foi muito fluida ou bastante envolvente. Resposta Certa não me marcou ou me fez sentir aquela ânsia em lê-lo, aquele desejo de não abandoná-lo. Enquanto eu o lia, o apreciava, mas não consegui me apegar à história o suficiente para querer devorá-lo. Acredito que o principal motivo para isso tenha sido a ausência de algo que realmente me conectasse ao enredo e às personagens.
De modo geral, não recomendo a leitura tendo como base Um Dia, uma vez que são obras completamente distintas e tal expectativa pode gerar decepção. Contudo, recomendo Resposta Certa aos que buscam por uma leitura divertida e inusitada, construída por mãos notavelmente habilidosas.
Y
Esse livro foi lido para o Desafio Realmente Desafiante de 2013 #12: Ler um livro que você ganhou de presente de aniversário.

 





Deixe o seu comentário

21 Respostas para "[Resenha] Resposta Certa – David Nicholls"

Ivi Campos - 30, agosto 2013 às (13:40)

Minha experiência com RESPOSTA CERTA foi frustrante e isso se justifica porque fui com uma expectativa muito alta em função do livro UM DIA. Tenho que aprender a ler narrativas diferentes ainda que seja do mesmo autor. beijos

Responder

Ruti - 30, agosto 2013 às (14:27)

Lendo a sinopse não me fez querer ler o livro, pois parece ser uma leitura clichê e muito sem praça. Mas depois que li sua resenha, gostei um pouquinho mais pois adoro livros engraçados e como você disse, com um humor inteligente e irônico. 🙂

Responder

Michelle Ladislau - 30, agosto 2013 às (14:49)

Sinceramente, pela capa já não iria ler, pela sinopse menos ainda. Esse livro não me atraiu.

Quem sabe um dia né?

Beijinhos
http://www.asleiturasdamila.blogspot.com.br

Responder

Gabriela C. - 30, agosto 2013 às (15:09)

Gosto tanto da história de UM DIA, esse me parece que não vai ser diferente! David Nicholls, a meu ver, é um excelente escritor! ^^

Responder

Ana Luisa - 30, agosto 2013 às (15:48)

Concordo com sua resenha. Resposta certa está distante de ser tão cativante quanto foi Um dia, mesmo assim, me diverti muito!

Beijos.

Responder

Catharina M. - 30, agosto 2013 às (17:52)

Estou super louca para ler esse livro, o desejo muito e espero ter me breve na minha estante. Parabéns pela resenha, muito boa.
http://realityofbooks.blogspot.com.br/

Responder

Fabi Liberati - 30, agosto 2013 às (17:52)

Oie Mi, você descreveu tudo o que eu senti lendo Will & Will.

Confesso que não gostei da capa desse livro hahaha, mas como a capa não faz a leitura ser boa ou ruim posso um dia dar uma chance ao livro já que hoje não sinto muita vontade de lê-lo =D

Adorei a resenha flor, beijinhos

Responder

Nara Brasil do Amaral - 30, agosto 2013 às (18:22)

Sinceramente não gostei da sinopse do livro, ela não me chamou atenção e nem despertou meu interesse :/ … E segundo sua resenha, o livro, apesar de ser divertido, não é uma leitura que prenda e conecte o leitor no enredo, então provavelmente não irei curtir muito… Mas procurarei ler ‘Um dia’ que é um livro que vejo muitas críticas positivas, apesar de dizerem que se se trata de um livro muito triste.

Responder

Cristiane Dornelas - 30, agosto 2013 às (22:50)

Eu achei bem envolvente, mas não foi daquele tipo de querer saber o final loucamente, foi mais pra esperar que o menino mudasse, fizesse algo de certo xD
É uma história bem bacana, vale a pena, ainda mais se for fã do autor, aí tem de ler mesmo.

Responder

Amanda Z. Dutra - 31, agosto 2013 às (02:07)

Nunca li nada do autor, então não sei, como as pessoas falam tão bem de Um dia, acho que vou começar por ele 😀

Beijo

Responder

Alexandre Koenig de Freitas - 31, agosto 2013 às (06:11)

Oi Mi,
Para ser sincero, não gostei mto de Um Dia. Acho que fui ler com mta expectativa e não vi nada de mais.
A sinopse de Resposta Certa não me despertou atenção e como vc mencionou esta dificuldade em se conectar com o enredo e personagens, fiquei com o pé atrás…
Abraço,
Alê – Além da Contracapa

Responder

Petra Henning - 31, agosto 2013 às (20:17)

Gostei de conhecer esse livro! Tem um filme com um enredo bem parecido, mas não me lembro o nome agora. Assisti esses dias… :

Responder

Aline Dias - 31, agosto 2013 às (23:57)

Oi Mi sempre tive vontade de ler Um dia principalmente com aquela linda capa do filme, mais nunca tive vontade de ler os outros livros dele!Depois da sua opinião achi díficil eu comprar esse livro!!!
Bjs

Responder

Aline Dias - 31, agosto 2013 às (23:58)

Oi Mi sempre tive vontade de ler Um dia principalmente com aquela linda capa do filme, mais nunca tive vontade de ler os outros livros dele!Depois da sua opinião achi díficil eu comprar esse livro!!!
Bjs

Responder

Aline Dias - 31, agosto 2013 às (23:58)

Oi Mi sempre tive vontade de ler Um dia principalmente com aquela linda capa do filme, mais nunca tive vontade de ler os outros livros dele!Depois da sua opinião achi díficil eu comprar esse livro!!!
Bjs

Responder

Eduarda Menezes - 01, setembro 2013 às (23:48)

Este comentário foi removido pelo autor.

Responder

Eduarda Menezes - 01, setembro 2013 às (23:49)

Oi Mi,
Assim que Reposta Certa foi lançado eu corri ansiosa para comprá-lo já que, assim como você, adorei Um Dia. Só que desde então eu escuto o pessoal falando que se decepcionou com o livro, que não gostou, e isso me desanimou total hehehe
Gostei dos pontos positivos que você ressaltou, do humor, do realismo mesmo em situações improváveis, mas, ainda assim, acho que vai demorar pra chegar aquela vontade mesmo. Talvez se fosse hoje em dia eu não o teria nem comprado. No entanto, caso o Nicholls lance um livro novo “novo” mesmo, com certeza eu iria correr novamente atrás dele. Talvez Um Dia tenha sido escrito numa fase inicial, e o autor tenha ficado mais maduro e com mais bagagem posteriormente, culminando na leitura inesquecível de Um Dia. Quem sabe o que vem depois disso.
Beijão, querida!

Responder

Eduarda Menezes - 01, setembro 2013 às (23:50)

Corrigindo: *Talvez Resposta Certa tenha sido escrito numa fase inicial heheh
Eu aqui poluindo o seu campo de comentários!

Responder

Belezocas by Nah Moraes - 05, setembro 2013 às (22:08)

Oi MI!
UM DIA tb é um dos meus livros favoritos (junto com PS e O CAÇADOR DE PIPAS) e me decepcionei DEMAIS c Resposta Certa…nossa! Peguei p ler ha um tempao atras e nao consegui terminar. Odeio nao terminar um livro..mas nao consegui. Agora, essa semana li em e-book O Substituto, último do Nicholls q saiu por aqui e gostei bastante. A ironia e o realismo estao presentes e vc se apega ao personagem, mesmo achando ele um babaca e um frustrado, vc quer ve-lo dar a volta por cima. Como li no e-book, que leio mto mais rapido, a leitura foi fluidissima e mtooo gostosa. Só o final…enfim…esperava mais. Mas gostei do livro. David N é incrivel! Mas mas mas NADA se compara a UM DIA… rss
bjaoo

Responder

Jéssica Ribeiro - 11, setembro 2013 às (14:31)

Eu amei Um Dia intensamente! E tenho vontade de conferir as outras duas obras do autor. Porém, certamente, quando eu comprá-los, vai ficar por muito tempo encostados na estante porque não vou ser tão motivada a começar a leitura deles. Mas tenho que ser sincera, a escrita do autor conquista por trazer uma carga de humor irônico e realidade, foi isso o que me fez gostar e ainda manter minha curiosidade acerca dos outros livros! Quem sabe um dia haha 🙂
Bjs.

Responder

Lili - 12, setembro 2013 às (23:37)

Para mim o que realmente estraga o livro (fora a irritação que eu sentia com Brian e que no início eu gostava) é a minha total incompreensão com as intenções da Alice. Sério, o que é aquela menina e o que ela queria?
Esse mistério na minha cabeça detona um pouco a história. Como John Green fala, eu acho que os autores possuem um certo pacto com seus leitores e eles não devem ficar sem algumas respostas

liliescreve.blogspot.com

Responder

Últimas Resenhas

Calendário de posts

agosto 2013
S T Q Q S S D
« jul   set »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Participo

<div class="titulo participo"><h6>Participo</h6></div>

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por