[Resenha] A Garota Que Tinha Medo - Breno Melo | Minha Vida Literária
27

dez
2013

[Resenha] A Garota Que Tinha Medo – Breno Melo

Título: A Garota Que Tinha Medo
Autor: Breno Melo
Editora: Schoba
Número de Páginas: 252
Ano de Publicação: 2013
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione

Diagnosticada com a síndrome do pânico, tudo o que Marina deseja é encontrar um lugar confortável neste mundo. Numa narrativa em primeira pessoa, detalhada e realista, Marina nos expõe sua vida amorosa e sexual, universitária e profissional, religiosa e familiar. Psiquiatras e psicólogos fazem os papéis de heróis neste livro tão impactante quanto revelador, que tem suas partes de amizade e amor ao próximo. Como não se emocionar com Péqui ou não se apegar ao veterano de guerra que cuida de Marina? A agorafobia é outro tema abordado de maneira tocante nestas memórias. Um drama original, escri- to em linguagem incrivelmente acessível, para quem deseja conhecer a síndrome do pânico, seus possíveis desdobramentos em nossas vidas e aqueles tratamentos mais famosos. Um romance moderníssimo, humano e esclarecedor.
A Garota Que Tinha Medo é o novo livro de Breno Melo, trazendo como temática central a vida de uma garota acometida pela Síndrome do Pânico. Em primeira pessoa, a história é divida em partes, cada qual correspondente a uma diferente fase da vida de Marina: sua vida antes do diagnóstico, o tratamento, e sua convivência com a doença.
A história, de modo geral, mescla o psicológico da protagonista com os eventos externos a ela. Ao mesmo tempo em que acompanhamos os acontecimentos rotineiros de sua vida, como sua ida para a universidade, seus relacionamentos amorosos, entre outros, também visualizamos a evolução da síndrome e como Marina vai tendo sua vida transformada por ela. Diria, inclusive, que os principais obstáculos da trama se encontram na maneira de como Marina passa a se sentir com a doença e seu consequente combate a ela.
Algo visível na obra é seu caráter informativo, não apenas com relação à doença. Breno Melo construiu um livro recheado de dados e fatos, principalmente sobre a história do Paraguai, cenário da trama, e sobre o Cristianismo, já que Marina e sua família são bastante religiosas. Contudo, ainda que eu tenha achado interessante ler sobre todos esses fatos, muitos desconhecidos por mim, senti que eles me afastaram da leitura e das personagens, já que muitas vezes não correspondiam ao que eu desejava ler naquele momento e me pareciam distantes do enredo, sem muito vínculo com ele. Embora tal característica tenha enriquecido a obra, teve, ao mesmo tempo, um impacto negativo sobre meu envolvimento com ela. Vale dizer que Marina é jornalista e talvez esse caráter informativo seja apenas um reflexo de sua própria profissão.
Dentre os pontos positivos, gostei da maneira de como a síndrome foi abordada e explicada, principalmente demonstrando as dificuldades sociais sofridas pelos panicosos, o que inclui, em grande parte, o preconceito gerado pela falta de informação. É sempre interessante acompanhar um ponto de vista que se diferencia do seu próprio, a fim de ampliá-lo um pouco mais.
De modo geral, foi uma leitura interessante principalmente por ter proporcionado informações diversas sobre diferentes assuntos que, antes, eu não havia tido muito contato. Embora a leitura não tenha conseguido me envolver por completo, foi suficiente para acompanhar de maneira satisfatória esse capítulo na vida de Marina.

 





Deixe o seu comentário

9 Respostas para "[Resenha] A Garota Que Tinha Medo – Breno Melo"

Lise Orsi - 27, dezembro 2013 às (12:56)

Mi, mesmo com os pontos negativos, que eu acho que concordo antecipando a leitura (porque logo que mencionastes os fatos fiquei em dúvida se cabem a um romance), eu quero ler. Fiquei curiosa, em especial pela situação da protagonista.

Beijos
liliescreve.blogspot.com

Responder

Oliveira - 30, dezembro 2013 às (11:03)

Acredito que por descrever sobre a sindrome do pânico já é o bastante para fazer desejar ler esse livro. Talvez os pontos negativos fiquem em segundo plano para mim, já que amo ler sobre doenças e sindromes. Além de entreter o livro leva informações básicas do que é a doença.

Responder

Manu Hitz - 30, dezembro 2013 às (13:35)

Mi, querida, adoro livros que abordam os transtornos causados por problemas psiquiátricos.
Tão perto estamos dessas chamadas ‘loucuras’! Tive uma professora que trabalhava com psiquiatria e ela sempre dizia isso:estamos mais perto do que sequer supomos.
É um gatilho disparado e mergulhamos nas sombras das dores da alma, que são as alavancas para os problemas mentais. Nossa vida moderna propicia essas doenças.
Precisamos desmistificá-las e tratá-las sem preconceito, buscar ajuda.
A leitura informativa é essencial para essa compreensão.
Compreendo que realmente cansa quando o autor entra com novo assunto e tira o foco do tema, tb me incomoda.
Fiquei curiosa para ler esse livro!

Responder

Rafa Hübner - 30, dezembro 2013 às (16:12)

Como que é abordada a questão da religiosidade? Esse ano li alguns livros nesse estilo e tenho que admitir, não gostei nada, nada. Mas o tema é interessante, acho que não li nenhum livro que trate da síndrome do pânico.
Bjs!

Responder

Aione Simões 30 dez 2013

Boa tarde, Rafa!
Ela é abordada de uma maneira informativa mesmo, explicando sobre as religiões envolvidas, o significado de termos e tradições, nada que incentive uma ou outra religião específicas 🙂
Beijos!

Responder

Luciana Francischinelli - 06, janeiro 2014 às (13:32)

Excelente resenha, Aione! Gostei da forma como transmitiu a história e fez apontamentos importantes, como, por exemplo, a profissão de Marina e às explicações religiosas ou não. Espero poder contar com você para futuras leituras. Grande abraço e um ótimo ano para você!

Responder

Planet Pink - 06, janeiro 2014 às (19:38)

Oi Mi!!
Olha, mais um livro do Breno Melo! Que bom que esse livro é mais informativo e fala mais sobre a doença, pois foi justamente o que eu senti falta em Marta, sobre a bipolaridade.
Fiquei com bastante vontade de ler esse livro, já vou adicionar a minha lista.
Beijão!

Responder

Ellen Patricia - 10, março 2015 às (11:16)

OLÁ, EU LI A RESENHA DO LIVRO A GAROTA QUE TINHA MEDO A ADOREI, ME IDENTIFIQUEI MUITO COM A HISTÓRIA, GOSTARIA DE SABER COMO FAÇO PARA COMPRÁ-LO, ALGUÉM PODE ME INDICAR? MUITO OBRIGADO !

Responder

Aione Simões 10 mar 2015

Olá, Ellen!

Você encontra o livro para compra no site da editora:
http://livrariadaschoba.com.br/livro-a-garota-que-tinha-medo-breno-melo-editora-schoba.html

Beijos!

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil