[Resenha] O Irresistível Café de Cupcakes - Mary Simses | Minha Vida Literária
11

jul
2014

[Resenha] O Irresistível Café de Cupcakes – Mary Simses

Título: O Irresistível Café de Cupcakes
Autor: Mary Simses
Editora: Paralela
Número de Páginas:  288
Ano de Publicação: 214
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Ellen é uma advogada de Manhattan e seu noivo está prestes a se tornar um importante político. Tudo em sua vida parece estar perfeito e no caminho certo. Até que ela decide realizar o último desejo de sua avó e entregar em mãos uma carta. Para isso, ela precisa ir para Beacon, uma charmosa cidadezinha do interior. Entre cupcakes de blueberry e deliciosas rosquinhas, Ellen desvenda os mistérios da vida de sua avó. Aos poucos, ela descobre os simples prazeres da vida e que “perfeito” nem sempre é o que parece.

O livro conta a história de Ellen Branford, uma mulher comum, advogada bem sucedida que mora em Nova York e está prestes a se casar com um ótimo partido: Hayden Croft, um homem culto, educado, extremamente romântico e de uma família influente. Ellen era muito ligada a sua avó quando essa era viva, havendo uma bonita amizade e muita cumplicidade entre as duas. Antes de falecer, ela fez um último pedido para a neta: que ela entregasse uma carta para uma pessoa em uma pequena cidade chamada Beacon.
Ellen então viaja para a pequena Beacon decidida a entregar a carta, e é a partir daí que a autora foi explorando as descobertas e desafios que uma moça da cidade grande iria se deparar num cotidiano tão diferente do seu, sobretudo, o que mais me agradou foram os segredos de sua avó descobertos ao logo dessa jornada.
A narrativa é em primeira pessoa, sob o ponto de vista de Ellen, e tem uma linguagem leve e envolvente. Por ser sob o ponto de vista dela, nos aproximamos muito da essência dessa personagem, e inúmeras vezes podemos entrar em desacordo com ela. Isso porque no inicio da trama ela se mostra muito imatura, principalmente em relação ao desconhecido, ao novo. Parece que ela ainda não saiu do seu mundinho na cidade grande e tem muita dificuldade de adaptação na pequena cidade, apesar de estar só de passagem. Isso vai mudando ao longo da narrativa e ela vai descobrindo como aproveitar um pouco melhor o que o lugar tem para lhe oferecer, ainda mais quando começa a se envolver com o Roy – um lindo carpinteiro de olhos azuis, que rouba a cena em diversos pontos no livro.
A leitura é agradável, porém o enredo é um pouco previsível. A trama é um pouco lenta e cai no lugar comum do triângulo amoroso, porém, sem grandes dramas. Diria que o livro se encaixaria perfeitamente numa comédia romântica e é indicado para quem gosta de leituras leves e despretensiosas. Apesar de ter certos clichês, o livro proporciona algumas reflexões sobre a vida e sobre as decisões que tomamos e que podem mudá-la para sempre. Fala de arrependimento, de mudanças, de insegurança e de relações familiares. Traz uma mensagem bacana. E quanto aos cupcakes, certamente o leitor sentirá um mínimo de vontade de provar os de blueberry.




Deixe o seu comentário

15 Respostas para "[Resenha] O Irresistível Café de Cupcakes – Mary Simses"

Izabela - 11, julho 2014 às (09:54)

Estou bem curiosa para ler esse livro, é a terceira resenha que vejo falando bem dele. Deve ser muito fofo, penso ser como aquelas histórias de filme de sessão da tarde, leve, divertida e ao mesmo tempo com uma lição para expressar. Espero não me decepcionar, rs.

Responder

Lannys - 11, julho 2014 às (10:08)

Confesso que estava louca pra ler esse livro só porque apaixonei pela capa haha. Depois de ler a resenha o livro deixou a desejar, achei bastante clichê. :/

Responder

Lise - 11, julho 2014 às (16:20)

Que pena, eu imaginava um pouco mais, achava que era daqueles livros que não daria muito e me surpreenderia. Mas pelo visto…

Falando em vontade de comer cupcakes… Vou te pegar Clívia!

liliescreve.blogpsot.com

Responder

Diane Ramos - 11, julho 2014 às (16:42)

Adorei a sua resenha !
Esse estilo literário me agrada bastante , adoro comedia romântica e leitura leves .

Responder

Adriana Correa - 11, julho 2014 às (22:47)

Fiquei em um impasse sobre se o livro é realmente bom ou não. Não estou em um momento de ler livro mais leves e previsiveis, maia acho que é uma otima opção para quando voltar a esse momento voltar.

Responder

tagila gomes - 12, julho 2014 às (08:34)

Pelo que eu entendi esse livro seria para um leitura para uma tarde sem muitas esperanças de ser um livro magnifico , mas como é narrado em primeira pessoa acho que o tema e a leitura iria fluir bem apesar dos cliches

aione não sei se é um erro ou se está certo mas a data de publicação não seria 2014 ? porque esta escrito 214 ?

bjos

Responder

Fernanda - 13, julho 2014 às (11:11)

Imaginei que o livro fosse bem água com açúcar pela sinopse, mas só de ver a capa já deu vontade de comer e fazer um cupcake!!

Responder

Edilza - 13, julho 2014 às (11:43)

Amo livros leves, e estou louca por esse.
Deve ser muito divertido a protagonista se adaptando à cidade pequena, e os segredos da avó dela deve dar um toque especial ao livro.
Vou fazer uns bolinhos pra comer na hora de ler, senão vou ficar com água na boca!
Amei a resenha, Clívia! Bjs!

Responder

Dayane Santos - 14, julho 2014 às (00:13)

Uma confissão, sou viciada em cupcakes, principalmente os que faço de nutella. Com a leitura da sua resenha, comecei a esperar mais do livro, pois pela capa me pareceu uma daquelas leituras fofinhas porém que mal se aproveitam, gosto de livros reflexivos e que tem mensagens das quais podemos realmente usa-las em nossas vidas.
Certamente O Irresistível Café de Cupcakes, foi incluído na minha lista de leituras.

Responder

Letícia Souza - 19, julho 2014 às (19:43)

Oieee
Que livro mais fofo,e pra mim o nome da cidade é Bacon kkk
Adoro leituras assim,sem preocupações,e ainda bem que Ellen muda ao longo do livro
eu simplesmente não consigo prestar atenção na história quando a personagem é muito mimada ou infantil.
E da onde surgiu esse carpinteiro de olhos azuis?,vou para essa cidade também!
beijos

Responder

FABRINE - 21, julho 2014 às (14:36)

Acho essa capa linda e tenho curiosidade para ler.
Como você disse, ele é clichê, previsível. Mas tem momentos que eu adoro livros assim, bem levinho e gostoso de se ler.

Responder

Neny - 21, julho 2014 às (18:05)

Não sei se quero ler o livro, ele não chega a chamar minha atenção.
E você fala que ele é bom…mas eu espero mais de um livro e como tem muito livro por ai, acho que vou passar esse, mas a capa dele é linda,
beijos.

Responder

Michele Lopez - 25, julho 2014 às (19:31)

Gostei bastante da resenha e amei a capa do livro. Fiquei com vontade de lê-lo. Parece ser uma leitura muito envolvente e prazerosa de se fazer. Ainda não o conhecia e estou ansiosa por mais essa leitura da minha lista.

Responder

Anita - 26, julho 2014 às (11:01)

Eu adorei esse livro. Super leve, li rapidinho. 🙂

Responder

Karolyne Kazakeviche - 31, julho 2014 às (19:44)

Esse livro parece uma maravilha =)
É um dos que mais desejo, não somente pelo nome e capa serem incríveis, mas pela história parecer leve e descontraída também. Acho que vou gostar, mesmo não sendo perfeito.

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por