[Resenha] Arrabal e a Noiva do Capitão - Marisa Ferrari | Minha Vida Literária
12

set
2014

[Resenha] Arrabal e a Noiva do Capitão – Marisa Ferrari

ARRABAL_E_A_NOIVA_DO_CAPITAO
Título: Arrabal e a Noiva do Capitão
Autor: Marisa Ferrari
Editora: Novas Páginas
Número de Páginas:  368
Ano de Publicação: 2014
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Giordano e Giuseppe são idênticos na aparência, mas suas almas não poderiam ser mais diferentes. O bravo Giordano é o capitão-chefe da Guarda Real. Giuseppe é um ator de coração puro e alegria contagiante que viaja com sua trupe para se apresentar nas praças e castelos da região. De caráter inflexível, Giordano tem como sua maior missão proteger o Rei. Por sua vez, o sonhador Giuseppe deseja escrever uma peça de teatro com diálogos, o que seria uma inovação para a época. Embora não sejam propriamente amigos, os dois irmãos vivem uma espécie de acordo de cavalheiros, respeitando o espaço um do outro e lidando com o delicado estado de saúde de sua mãe. Até que a formosa Luigia acaba com a paz da família Romanelli. Arrabal e a Noiva do Capitão nos transporta para a incrível Nápoles do século 18, magistralmente reconstruída por Marisa Ferrari. Uma história que resgata a magia do teatro e nos convida a compreender a beleza que existe nas contradições.


O livro Arrabal e a Noiva do Capitão é de autoria da carioca Marisa Ferrari e narra a história de dois irmãos gêmeos: Giuseppe, conhecido como Arrabal, e Giordano. Cada um deles resolveu seguir um caminho diferente em suas vidas; enquanto o primeiro é o líder de um grupo de teatro itinerante, o outro ocupa uma das mais altas patentes do exército do reino, e é o grande orgulho de seu pai. Separados por interesses divergentes e opiniões contrárias, os gêmeos não mantinham nenhum contato, até que surge uma linda mulher que poderá mudar totalmente a vida desses dois irmãos. A história se passa em Nápoles no século XVIII e trás como plano de fundo todo o encanto da região italiana.

Apesar de demorar um pouco para me envolver com a história, devido ao fato de ainda estar me familiarizando com os personagens e com a escrita da autora, a partir do sexto capítulo em diante não conseguia mais me desprender da leitura. Isso porque a autora começa a desenvolver sabiamente diálogos riquíssimos em torno de todos os personagens presentes no enredo. Desse modo, a trama foi ficando cada vez mais interessante e arrebatadora. A narrativa em terceira pessoa mostra uma escrita bem trabalhada e madura. O livro é dividido em vinte e três capítulos muito bem desenvolvidos e alinhados. A linguagem é típica da época em que se passa o enredo e a autora mescla em determinados diálogos algumas frases em italiano, mas que não atrapalham o ritmo de leitura, mas sim, a meu ver, só a enriquece.

Apesar de o livro girar em torno desses dois irmãos e o amor em comum que sentem pela mesma mulher, ele levanta também uma série de questões, principalmente sobre as escolhas que fazemos em nossas vidas e as consequências que elas podem trazer. Fala um pouco sobre os mundos que os dois irmãos escolheram para seguir, então, vez por outra, há menções à arte, poesia e teatro, como também, à situação política do reino e do contexto histórico da época. Mas a história de amor também merece destaque: com diálogos de tirar o fôlego e personagens que nos envolvem por completo, o mais difícil é escolher um preferido ou torcer por apenas um deles.

E para terminar com chave de ouro, a autora elaborou um fechamento incrível para essa história, um final surpreendente, inteligente e incrivelmente satisfatório. Para quem gosta de um bom romance com bastante conteúdo e desencadeamentos, essa certamente é uma boa opção. A boa notícia é que, ao que tudo indica, a história vai virar minissérie! Produzida pela TV Globo, a ideia é adaptar o romance para o Brasil da virada do século XIX para o século XX, segundo as Notícias da Semana.





Deixe o seu comentário

14 Respostas para "[Resenha] Arrabal e a Noiva do Capitão – Marisa Ferrari"

Edilza - 12, setembro 2014 às (13:06)

Oi, Clivia!
O livro parece ser muito bom, com diálogos riquíssimos (o que amo) e usando uma linguagem da época, eu acho até engraçado às vezes, rsrsrs. Que bom que nos faz refletir e traz um pouco do que esses dois irmãos trabalham, ótimo pra aprender. E quem não gosta de finais incríveis?
Ansiosa pra ver a adaptação e ler o livro!
Ótima resenha! Abraços!

Responder

Caroline Soares - 12, setembro 2014 às (18:34)

Clivia, você é minha conterrânea, hahahaha, gostei bastante da história, eu não sou muito fã de romances desse tipo, onde dois caras disputam a mocinha e tudo mais, só que fiquei curiosa, vou ter que ler. Beijos!

Responder

Biazynhah - 12, setembro 2014 às (21:36)

Acho legal quando o autor consegue colocar outro idioma com o português, ainda mais o italiano que ao meu ver fica muito mais fácil de mesclar sem atrapalhar a forma como entendemos o dialogo. Gostei de saber que pode virar minissérie.

Responder

Gicele Coppetti - 13, setembro 2014 às (20:43)

Adorei, me ajudou muito….

Responder

Taciana Cristina de Oliveira - 14, setembro 2014 às (00:53)

Não conhecia a autora, o livro deve ser muito bom e lindo boa resenha me despertou a curiosidade e o interesse de ler, e tbm ver a mini serie só espero que não estrague a serie e coloquem o diretor certo e os atores de acordo com personagens.

Responder

Ediane Silveira - 14, setembro 2014 às (22:25)

Deu muita vontade de ler, eu adoro ler romance e esse parece ser diferente de todos que já li, ainda não tinha ouvido falar dessa autora mais um motivo para mim ler porque gosto de conhecer novos autores.

Responder

Neny - 15, setembro 2014 às (10:31)

Eu quero muito ler, acho que este livro promete.
Eu so não curto muito os triangulos amorosos, mas me parece que este mesmo ele estando presente ele não é cheio de mimimi, o que me agrada bastante.
Agora basta esperar para ver como vai ser a adapitação para a tv, tomara que façam um bom trabalho,
beijos.

Responder

Rudynalva - 16, setembro 2014 às (00:27)

Clivia!
Li o Arrabal e fiquei totalmente envolvida com a leitura. O mundo circense é fascinante e como meu pai foi de circo, fiquei encantada com a leitura.
A inteligência da autora em criar uma história que para mim foi única, valeu a pena.
Bem feliz de em breve poder acompanhar a mini série…
cheirinhos
Rudy

Responder

Bianca Martins - 19, setembro 2014 às (17:26)

Não gostei da capa…me lembra aquele livros mtoo antigos…eu n gosto..
Acho divino qnd o autor consegue desenrolar dialogas q nos deixam em êxtase!
Gostei mto de saber q a autora soube dar um final p o livro!
Fiquei mto curiosa agora!!
Confesso q n estava c expectativas, mas agora qro mto lê-lo!

Responder

Michele Lopez - 23, setembro 2014 às (18:05)

Oie…
O livro parece ser muito bom e envolvente! Ainda não li nada parecido e fiquei bastante intrigada!
Ansiosa pela adaptação e mal posso esperar para ler o livro!

Responder

Amanda Arrais - 28, setembro 2014 às (13:38)

Pela sua descrição parece ser um livro com um conteúdo bem rico,
mas não é bem o que eu gosto de ler..
eu geralmente demoro bastante pra conseguir me envolver com livros
nesse estilo..

Responder

Kris Oliveira - 30, setembro 2014 às (22:28)

Só vejo resenhas falando lindamente desse livro,
Infelizmente ainda não tive a oportunidade de lê-lo,
Mas espero fazê-lo antes do lançamento da Série.
Bjoo

Responder

Ingrid Moitinho - 30, setembro 2014 às (23:05)

O livro parece ser muito bom e envolvente, gosto de livros assim.
Não gostei muito da capa, mas me interessei pela historia, gosto muito de romances e esse com certeza é do tipo que gosto, que legal saber que vai virar minissérie. Espero ter a chance de lê-lo antes de passar na tv.

Responder

Tacyliane Cristina dos Santos Bento - 03, outubro 2014 às (20:41)

Oi Aione….
Adorei a resenha , me interessei pelo livro, esse e um dos tipos de livros que mais gosto.

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por