Os livros e a era digital | Minha Vida Literária
01

fev
2015

Os livros e a era digital

Por Francisco Cortes

 

Os livros continuam vencendo a era digital e cada vez mais se mantém no mercado.

Atualmente, muitas pessoas não dão a devida importância aos livros pensando-se até que, devido aos formatos digitais, o livro físico caísse em desuso. Felizmente, constata-se que, para quem gosta de ler, nada substitui o poder de ter um verdadeiro livro na mão.

livros

Ainda assim, o formato digital pode ser bastante útil sobretudo para viagens e férias, nas quais, talvez, carregar livros pode vir a ser um empecilho. Mas, de qualquer forma, os livros acabam por não perder a sua importância devido às histórias que são, em muitos casos, a base e até melhor retratadas na maior parte de filmes, jogos e séries de sucesso. Podemos falar do caso de Hunger Games, Harry Potter, saga Twilight, Senhor dos Anéis, Guerra dos Tronos ou Assassins Creed, entre muitos outros.

Aliás, além de histórias, cada vez mais pessoas recorrem a livros para auto ajuda ou aprendizagem em alguma tarefa que lhes é nova ou gostariam de dominar. É o caso, por exemplo, de apostas desportivas e jogos online, como os de cassino, onde muitas pessoas recorrem a livros com grandes estratégias e casos práticos de profissionais famosos. Esta, inclusive, é também uma outra área, a dos cassinos, onde as próprias histórias de livros influenciam bastante os seus jogos: histórias como o Senhor dos Anéis, saga Twilight e até Guerra dos Tronos servem como base para temáticas de diversos jogos encontrados como, por exemplo, no site www.casinoonline.pt/slots/game-of-thrones/, no qual o jogo de slot convida a uma viagem no jogo pelo mundo de Westeros.

Assim, o poder dos livros estende-se a vários mercados e pessoas e cada vez mais, não só colecionadores como pessoas que procuram informar-se ou que apenas gostam de ler, continuam a comprar livros contrariando as expectativas de vários meios de comunicação que julgavam que o livro em formato físico estaria com os dias contados.

Nesse sentido, podemos esperar a continuação do crescimento deste segmento de Mercado, bem como esperar ver alguns sucessos em cinema totalmente inspirados em livros que já foram antes um grande sucesso.

 
 

Esta postagem é um publieditorial.





Deixe o seu comentário

7 Respostas para "Os livros e a era digital"

Maria Alves - 01, fevereiro 2015 às (12:08)

Eu prefiro os livros físicos, acho muito melhor, posso pegar cheirar, abraçar e tudo mais kkkkk. Não gosto de ler em PDF. Mas tem gente que esta aderindo as outras opções, dizem que não ocupa espaço e nem poeira. Pra quem tem pouco espaço e muitos livros pode a ter ser bom, mas não cai nas graças dessas opções kkk.

Responder

Diane Ramos - 01, fevereiro 2015 às (15:16)

Olá!
Eu prefiro livros físicos já até cheguei a baixar alguns em PDF , mas não gostei muito da experiencia e acabou que eu tive que comprar o livro físico para por na minha estante.

Responder

Oliveira - 01, fevereiro 2015 às (16:31)

Aione, quando vi que os ebooks haviam ganhado espaço no mercado fiquei com medo de tomar o lugar de livros em papel, pois amo tê-los em mãos, acredito que a leitura é outra, para mim há diferença enorme que nem sei traduzir em palavras ou escrita, mas sinto isso.
E fiquei feliz por isso não ter ocorrido até o momento.

Responder

Cristiane Oliveira - 02, fevereiro 2015 às (09:35)

Oi Aione. Realmente, nada substitui um livro físico. Sei lá, acho que a capa, as páginas trazem muito encanto. Por outro lado, concordo que os livros em formato digital são bem mais fáceis de serem “carregados” e manuseados. Eu costumo sempre ler um físico e 1 digital ao mesmo tempo.
Beijos

Responder

Juliana Frygoudakis - 02, fevereiro 2015 às (12:02)

Oii Mi!
Sem sombra de dúvida eu prefiro os livros físicos! Apesar do peso e da falta de prática, nada supera o prazer em folhear cada página ou em sentir o cheirinho de livro novo rs
Leio em pdf só quando eu realmente NECESSITO. Por exemplo, terminei ontem de ler A Maldição do Tigre, porém, não tenho os exemplares das continuações.. mas eu estava morrendo de curiosidade pra saber o que ia acontecer, então estou lendo em pdf pelo celular haha (mas assim que meu bolso deixar, comprarei os livros mesmo que já tenha terminado de ler rs)
E é claro, em viagens é muito melhor não ter peso pra carregar e poder ler quantos livros quiser em apenas um aparelho. Mas mesmo que eu tivesse um kindle ou um ipad cheio de livros em pdf para essas horas de praticidade, eu não abriria mão de comprar o livro físico Só pelo fato de que eles são lindos e eu tenho o sonho de ter uma biblioteca (ou uma estante gigante e cheia de livros) na minha casa.
Gostei muito do post!! =)

Beijos

Responder

Amália Teles Machado - 09, fevereiro 2015 às (17:41)

Aione, concordo com você que nada substitui ter o livro nas mãos. Prefiro mil vezes ler uma história em um livro físico que no digital. Tenho o LEV (ganhei de presente do meu irmão), e até acho que ele tem suas vantagens, como você mesma citou, como quando se vai viajar e poder levar vários livros sem pesar na mala, até no dia a dia mesmo, levar na bolsa ser pesar.
Sempre leio no formato epub, pois se parece mais com o livro físico, não consigo ler no formato pdf.
De qualquer forma, mesmo possuindo algumas vantagens, sempre vou preferir o livro físico.

Responder

emanoelle souza - 17, fevereiro 2015 às (14:13)

livro físico com certeza, é otima a sensaçao de segurar um nao mao, sentir o cheiro, folhear as páginas, só leio em pdf quando nao tem outro jeito, ou seja, quando nao tenho dinheiro pra comprar o livro desejado!

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil