Comprando Livros no Metrô de São Paulo | Minha Vida Literária
01

abr
2015

Comprando Livros no Metrô de São Paulo

Oi pessoal!

Existe, nos metrôs de São Paulo, algo extremamente interessante e que incentiva bastante a leitura entre aqueles que frequentam as estações: cabines para a compra de livros. Sabem aquelas máquinas nas quais colocamos um valor determinado e conseguimos doces, salgadinhos, refrigerantes, etc? Pois é, as estações de metrô de São Paulo estão cheias delas e não apenas de alimentos: é possível encontrar cabines de revistas, gibis, maquiagens (sim, é verdade!) e, é claro, livros.

Meu namorado, Eduardo (ou Eddie, para os mais íntimos :P), está simplesmente viciado nelas. Ele precisa ir a São Paulo toda semana, e, a cada ida, retorna com 1 ou 2 livros diferentes. Como ele já encontrou vários títulos interessantes, resolvemos fazer esse post para vocês, explicando como cada cabine funciona e falando das vantagens de comprar livros assim.

Cabine_Eddie2
 

Como as cabines funcionam

 

Até o momento, vimos dois tipos diferentes de cabines:

  • Pague quanto acha que vale: Essas cabines não definem os preços dos livros. Você pode inserir qualquer valor a partir de R$2,00 e escolher o título que mais chamar sua atenção. É importante dizer que elas não devolvem troco, até porque não há um valor definido para cada livro. Sendo assim, se você colocar uma nota de R$10,00, a cabine entenderá que você acredita que um livro dela valerá esse preço, e você pagará, então, R$10,00 no título que escolher. Porém, você tem a opção de colocar uma nota de R$2,00 e pagar essa quantia por qualquer livro dali.
  • Livros a partir de R$1,00: Essas cabines têm um funcionamento diferente. Nela, os preços dos livros são pré-definidos, então você não escolhe o quanto quer pagar em cada um. Entretanto, cada um custa apenas R$1,00! Há um porém que deve ser citado: a máquina não dá troco e só aceita notas, portanto o mínimo que você pode colocar nela é R$2,00. A diferença aqui é que você pode não ter um troco, mas fica com um crédito na máquina. Assim, colocando R$2,00, você sai com 2 livros, R$5,00, 5 livros e assim por diante.

 

Vantagens

 

Conseguimos pensar em 3 principais vantagens:

  • Economia: Adquirir livros novos por R$1,00 ou R$2,00 chega a parecer uma ideia surreal, uma vez que até em sebos, onde na maioria das vezes os livros são usados e nem sempre bem conservados, é difícil encontrar exemplares por esses valores;
  • Variedade: O Eddie já comprou biografias, romances, poemas, contos e guias nessas cabines – sem contar aqueles que ele não se interessou, como, por exemplo, auto-ajudas, horóscopos, livros instrucionais, entre outros. Além da variedade de títulos, nem todas edições das cabines são facilmente encontradas em lojas virtuais (e acredito que em físicas também), como mostraremos mais abaixo.
  • Localização: Todas as cabines estão situadas em locais por onde os transeuntes realmente passam, e não nas saídas das estações ou regiões mais afastadas delas. Assim, você não precisa se desviar de seu caminho para garantir uma leitura.

 

Aquisições do Eddie

 

Vamos mostrar, agora, os livros que o Eddie já comprou. Além disso, vamos destacar o preço que ele pagou em cada um, além do menor e do maior preço que encontramos para cada um em lojas online. Para conferir as sinopses, basta clicar no título dos livros.

LivrosEddie1

LivrosEddie2

 

Como vocês podem ver, o livro O Prazer da Leitura, um guia da Coleção: O Prazer da Leitura, da Editora Abril, só foi encontrado no site Estante Virtual, ainda que lá estejam disponíveis exemplares novos.

LivrosEddie3

LivrosEddie4

LivrosEddie5

LivrosEddie6

 

Considerações

 

  • Como vocês puderam perceber, alguns dos livros só puderam ser encontrados em uma única loja online.
  • Aqueles cujo menor ou único valor são do site Estante Virtual são exemplares novos, não colocamos livros usados nessa cotação.
  • Não consideramos os valores de frete em nenhum dos preços apresentados. Portanto, cada livro sairia por um preço ainda maior, se comprados em lojas virtuais.
  • Preço total dos livros (sem frete), considerando-se o menor valor encontrado para cada exemplar: R$ 291,12.
  • Preço total pago pelo Eddie, nas cabines: R$34,00.

 

Uma economia e tanto, não acham? As compras não valeram a pena?
É claro que nenhum dos livros mostrados são lançamentos ou best-sellers, mas isso não significa que não sejam interessantes. Aliás, vale a pena conferir as cabines também para conhecer livros que, na maioria dos casos, não são muito comentados.
O Eddie ainda não pôde ler todos os livros adquiridos, mas adorou a maioria dos que leu.
E nas cidades de vocês, existe algo semelhante? Você que é de São Paulo, já comprou algum livro assim? Contem para a gente as experiências de vocês!
Espero que tenham gostado do post!
Beijos!





Deixe o seu comentário

19 Respostas para "Comprando Livros no Metrô de São Paulo"

Cristiane Oliveira - 01, abril 2015 às (15:00)

Oi Aione, adorei o post de hoje! Moro em São Paulo, e já vi essas cabines, mas nunca parei pra prestar atenção, sabe como é, na correria da cidade…. Achei que foi uma economia legal estes livros citados e vou para numa cabine dessas da próxima vez. Obrigada pela dica!
Beijos

Responder

camila rosa - 01, abril 2015 às (18:33)

Oi, tudo bom?
Adorei o post, nossa essa ideia é super bacana, pena que eu não moro em SP hehehe não tem como encontrar uma cabine dessas, fico feliz em saber que já lugares investindo na leitura desse jeito.
Beijos *-*

Responder

Bruna Soares - 01, abril 2015 às (20:49)

Ai meu Deus, que sonho! Uma pena que eu não moro em São Paulo, senão ia toda hora lá adquirir um livro, porque é uma economia imensa. Sem falar do incentivo a leitura que agora não tem mais desculpa para aqueles que dizem ser muito caro, é possível ler sem gastar muito e ai está a prova! Amei, que essa seja uma ideia levada para outras cidades.
Beijos

Responder

Giulia Baraldi - 01, abril 2015 às (22:14)

Achei essas cabines super interessantes. Elas com certeza deve incentivar varias leituras. E pagar quando quer, por livros que são normalmente caros, é uma proposta bem legal.

Responder

Leticia - 02, abril 2015 às (13:02)

Oi Aione…
Eu já comprei um livro nessa cabine, e congelei quando vi pela primeira vez..hehe
Eu já comprei o livro Senhora, que eu ainda não tinha lido e O amor transporta o oceano.
Esses títulos eu ainda não tinha visto.

livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

Responder

Diane Ramos - 02, abril 2015 às (19:07)

Fiquei impressionada com a economia !
Moro numa cidade do interior de Minas e obviamente não tem nada parecido com isso por aqui (infelizmente !) logo , senti uma pontinha de inveja 😉

http://coisasdediane.blogspot.com.br/

Responder

Fernanda S Lima - 02, abril 2015 às (20:56)

Oi Aione,
Como sempre vou pra São Paulo, todos os dias dou uma olhadas nessas máquinas, sempre tem livros bem diferentes nelas, porém difcilmente encontro um livro que me chame tanto a atenção, mas já fiz umas quatro compras nelas. Uma das compras que eu fiz foi do livro “A procura da felicidade”, que deu origem ao filme,que por sinal foi uma ótima leitura.

Responder

Neny - 03, abril 2015 às (11:01)

Que ideia maravilhosa, pena aqui em minha cidade não ter nada parecido(Curitiba),
pior quando vi varias pessoas deixando livros em bancos para outros pegarem, um dia fiz isso e voltei depois e ainda estava lá….as pessoas não ligam muito para leitura, uma pena. Mas nos estamos aqui para tentar mudar isso não é.
beijos.

Responder

Juliana - 03, abril 2015 às (11:48)

Nossa mais que ideia mais legal! Adoraria morar em lugar com uma máquina tão interessante como essa. Super cultural!

Responder

Maria Alves - 03, abril 2015 às (18:17)

Muito interessante essas máquinas, sou de São Paulo, mas dificilmente ando de metro, então ainda não tive a oportunidade de conhecer, mas achei muito barato os livros, realmente vale muito a pena.

Responder

Fernanda Luz - 03, abril 2015 às (21:33)

Adorei!!! Nossa, bem que essa ideia poderia se espalhar pelo Brasil .. eu ia amar se tivesse uma na minha cidade…

Responder

Juliana Frygoudakis - 06, abril 2015 às (11:32)

Na minha cidade não possui nada assim.. Apenas livrarias pequenas (nada do tipo Saraiva ou livraria Cultura), e por isso são bem mais caros! Acabo sempre comprando em lojas virtuais, ou trocando livros pelo skoob! Tenho inveja das pessoas que moram em São Paulo só por essas cabines nos metros haha
Realmente, uma economia e tanto!

Beijos Mi! =)

Responder

Rudynalva - 08, abril 2015 às (02:15)

Aione!
Sempre achei essa ideia fantástica. Não tem desculpa para as pessoas não lerem, porque o preço chega a ser irrisório. Deveria ser implantado em todo Brasil, mesmo nos lugares que não tem metrô, como aqui, poderia ser colocado na rodoviária, certeza que estaria por lá diariamente…kkkk
O livro do Paulo Francis quero há tanto tempo que compraria sem pestanejar, como tantos outros pelo simples prazer de ler.
Entendo o vício do Eddie..kkk
Cheirinhos
Rudy
http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

Responder

Paac rodrigues - 11, abril 2015 às (00:53)

Aqui em casa minha mão tem o terceiro milênio, ela adorou e eu ali até metade, queria que tivessem maquinas desse tipo aqui em brasilia.

Responder

Rosana - 12, abril 2015 às (14:43)

Que ideia sensacional! Para os leitores e não leitores é uma baita vantagem, acredito que essas cabines tem que espalhar pelo Brasil todo! Tem muita gente que não lê por achar livros caros, mas por apenas R$1,00 quero ver ter desculpa! Que ideia genial essas cabines.

Responder

Rebecca Martins - 22, abril 2015 às (17:14)

Nossa Aione,
Mais que Barato! Compensa muito comprar livros! Já pensou? Colocar dez reais e voltar com dez livros?
Nossa! Preciso achar uma maquina destas por aqui! O ruim é que não tem livros ”famosos”.
Beijos <3

Responder

Reniére Pimentel - 28, abril 2015 às (11:07)

Oi, Aione!
Adoro iniciativas que incentivam a leitura e essa do metrô de São Paulo é bastante inovadora, já que as cabines ficam localizadas em pontos de bastante movimentação e, é claro, vendem os livros por valores bastante em conta. No Rio há um projeto que chama-se Projeto Mais Leitura, no qual diversos títulos são vendidos por dois ou três reais, todos livros novos. Ainda é possível fazer uma carteirinha e acumular pontos para trocar por outros livros. Comprei muitos livros lá e também conheci diversas pessoas que compravam frequentemente. É ótimo! Além de divulgar os livros, possibilita que pessoas que não têm condições de comprar os livros nas livrarias o façam nesses pontos de venda.

Por um mundo com mais livros e mais leitores! <3

Beijos!

Responder

Hevelyn Oliveira - 06, julho 2017 às (00:41)

Olá, eu gostaria de saber quais asão estações que contém essas máquinas?

Responder

Aione Simões 07 jul 2017

@Hevelyn Oliveira, eu só passo por Tietê/Luz/Consolação/Paulista/Butantã e em todas elas têm! Mas acredito que nas demais também tenham (já vi no Santa Cruz também)!

Responder

Últimas Resenhas

Calendário de posts

abril 2015
S T Q Q S S D
« mar   maio »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Participo

<div class="titulo participo"><h6>Participo</h6></div>

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por