[Resenha] Garota Online - Zoe Sugg | Minha Vida Literária
07

abr
2015

[Resenha] Garota Online – Zoe Sugg

Garota online

Título: Garota Online
Autor: Zoe Sugg
Editora: Verus
Número de Páginas: 308
Ano de Publicação: 2015
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Amazon ♦ Cultura ♦ Livaria da Folha ♦ Saraiva

Penny tem um segredo.
Com o nickname Garota Online, ela escreve um blog no qual desabafa seus sentimentos mais íntimos sobre amizade, meninos, os dramas do colégio, sua família maluca e os ataques de pânico que começaram a dominar sua vida.
Quando as coisas vão de mal a pior, sua família a leva para Nova York, onde ela conhece Noah, um garoto lindo que toca guitarra, e com quem ela parece ter muito em comum.
De repente, Penny percebe que está se apaixonando — e escreve sobre cada momento dessa história em seu blog, de maneira anônima. Só que Noah também tem um segredo, que ameaça arruinar o disfarce de Penny para sempre.
Garota Online é um livro encantador, que traduz exatamente o que significa crescer e se apaixonar na era digital.


Garota Online2

Iniciei a leitura de Garota Online de forma completamente despretensiosa e, admito, pensei duas vezes antes de começá-lo, não por duvidar do livro em si, mas por duvidar se ele exerceria em mim o efeito esperado, uma vez que claramente não pertenço ao público alvo a que a obra se destina. Felizmente, estava enganada.

A narrativa em primeira pessoa traz a voz de Penny, adolescente desastrada que não consegue se sentir aceita sendo quem é. Dessa maneira, a garota não assume sua verdadeira personalidade, podendo ser completamente sincera apenas em seu blog anônimo e para Elliot, seu melhor amigo. A escrita de Zoe Sugg é bastante simples e fluida, o que garante uma leitura rápida e fácil, ideal para um entretenimento divertido e relaxante.

 

“Uau, vocês são incríveis. Eu estava lendo os comentários no meu último post, e eles me fizeram chorar, mas de um jeito muito bom.
Eu me sentia sozinha antes de começar este blog. Era como se ninguém me entendesse (exceto Wiki, é claro). Mas ler os comentários de vocês me fez perceber que centenas – talvez milhares (!) – de pessoas me entendem.
E isso me deixa muito feliz.

página 152

 

A história como um todo é bastante previsível e aborda o universo adolescente com fidelidade, trazendo as angústias e inseguranças típicas da fase, principalmente relacionadas à construção da identidade, de uma maneira leve, proporcionando um rápido envolvimento.

Garota Online3

O que mais me agradou, no entanto, foi a forma de como a autora ainda assim conseguiu criar momentos com os quais pude me identificar, mesmo sendo 10 anos mais velha do que a protagonista. Penny vivenciou momentos e adquiriu compreensões que eu mesma só vivenciei em uma idade superior a dela, ainda que a concretização dessas situações pela adolescente tenham sido ajustadas a sua idade. Assim, ao invés de Penny parecer não ter a idade que tem, fui eu que consegui me aproximar dela, um ponto mais do que positivo para Zoella.

 

“Estou me sentindo muito diferente (…). É porque, pela primeira vez, sinto que minha vida é minha de verdade, que estou no comando do meu destino. Não estou mais reagindo ao que todo mundo faz ou diz. (…) finalmente estou escrevendo meu próprio roteiro.”

página 165

 

Também, a relação que Penny tem com seu blog despertou em mim várias sensações. Sua proximidade com os leitores e a sensação de fazer algo significante, no sentido de afetar outras pessoas, incitaram em mim uma sensação imensa de identificação, gratidão e carinho por conta do meu próprio blog. Contudo, a maneira de como a imagem virtual a afeta tanto, também de uma forma negativa, possibilitou a compreensão do impacto da internet e sua repercussão quando alguém se torna uma figura pública. Embora jamais tenha vivido algo semelhante ao que Penny passa, pude sentir toda sua aflição e medo, por exemplo, ao checar redes sociais e emails.

Foi principalmente por essa questão da identificação que acabei me afeiçoando mais a leitura, ainda que a história seja fofa e agradável de ser acompanhada. De qualquer maneira, fica o lembrete do livro ser direcionado a um público mais jovem, podendo agradar também os mais velhos, apreciadores dos Teen Chick-Lits, subgênero dos chick-lits voltados ao público adolescente e pré-adolescente.

Garota Online1





Deixe o seu comentário

16 Respostas para "[Resenha] Garota Online – Zoe Sugg"

Bruna Soares - 07, Abril 2015 às (09:22)

Oi, eu estou ansiosa e desejosa para ler essa obra. Gostei bastante da sinopse e dos comentários que já vi, sem falar que agora vendo que você pode se identificar fiquei ainda mais curiosa porque também sou mais velha e esse era um dos meus receios, só posso dizer que não vejo a hora de poder iniciar a leitura. Ao mesmo tempo não quero criar muitas expectativas para não me decepcionar.
Beijos

Responder

Cristiane Oliveira - 07, Abril 2015 às (11:31)

Oi Aione. Eu também encaro o livro da mesma forma que você antes de ler. Não me empolguei em ler não, mas… sempre é bom ser surpreendida, e que bom que você gostou.
Beijos

Responder

Rudynalva - 08, Abril 2015 às (01:11)

Sabe Aione!
Nem me importo muito com essa destinação de idade dos livros, me importo é que tenha um conteúdo que mexa comigo de alguma forma, seja boa ou não, assim podemos ter um parâmetro em relação as leituras.
Poder rir com um livro não tem coisa melhor e me parece que aqui, mesmo com as aflições de Penny, acredito que possamos rir muito.
cheirinhos
Rudy

Responder

Tais - 08, Abril 2015 às (09:04)

Oi Mi,

Recebi esse livro de surpresa.
A capa é muito fofa né?
Estou curiosa pela leitura, mas não tenho muitas expectativas, quem sabe não me surpreenda assim como você?

bjs
Tais
http://www.leitorafashion.com.br

Responder

Tais - 08, Abril 2015 às (09:04)

Oi Mi,

Recebi esse livro de surpresa.
A capa é muito fofa né?
Estou curiosa pela leitura, mas não tenho muitas expectativas, quem sabe não me surpreenda assim como você?

bjs
Tais
http://www.leitorafashion.com.br

Responder

Viviane Gonçalves - 09, Abril 2015 às (08:59)

Na minha família existem duas pessoas que sofrem com ataques de pânico e também tenho quatro amigas próximas com o mesmo problema, sendo que uma delas passou seis meses internada em um hospital e quase veio a falecer devido à síndrome do pânico. Quando li a sua resenha e vi na sinopse que o livro aborda esse assunto, já coloquei ele na lista. Quero muito entender mais sobre o assunto para poder ajudar as pessoas que eu amo. Mesmo sabendo que este assunto não é abordado como assunto central.
Quanto ao livro, eu particularmente não conhecia a blogueira Zoella e fiquei bastante curiosa quanto ao canal da mesma pela quantidade de inscritos e pelo talento da menina. Adoro romances adolescentes leves e fofos para ler entre um livro que me deixou de ressaca literária e outro. Então este acaba de entrar para a lista.

Beijos e parabéns pela resenha.
Viviane Gonçalves
vsg_caue@hotmail.com

Responder

Gabriela Pimenta - 10, Abril 2015 às (23:18)

Esse livro deve ser apaixonante!!!!
Já li varias resenhas sobre o livro e estou completamente maravilhada e morrendo de vontade de ler.

Responder

Rosana - 12, Abril 2015 às (14:30)

Confesso que só quero ler o livro pela polêmica :X
Gostei bastante da capa, parece ser um livro fácil de se identificar com os acontecimentos.

Responder

Diane Ramos - 12, Abril 2015 às (18:30)

Tive a mesma sensação que você 🙂
No início achei que seria um livro ruim (confesso que até julguei pela capa) mas , após a sua resenha me interessei na leitura . Acho que vou até me identificar em alguns pontos .

http://coisasdediane.blogspot.com.br/

Responder

Leticia - 12, Abril 2015 às (22:45)

Oi Aoine…
Eu confesso que não tenho vontade de ler muito este livro, justamente pelo fato de não me dar bem com leituras para um público mais juvenil..como você. Quem sabe eu me surprenda também..vou pensar no caso..rs

livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

Responder

Crislane Barbosa - 13, Abril 2015 às (20:51)

Oi!
Esse livro tem uma capa linda. E aparenta muito ser voltado para um público adolescente. Fiquei receosa de me interessar por ele. Com sua resenha, pude ver que é uma leitura gostosa de se fazer em qualquer idade. Darei uma chance a ele.

Beijos!

Responder

Danielle Thamires - 22, Abril 2015 às (09:17)

Esse é um livro que estou bastante interessada para ler, apesar de também não fazer parte do público alvo;já ouvi ótimos comentários sobre a obra e gostei da sinopse …Também foi bom saber que, apesar de ser um livro mais teen , ele agrada á um público um pouco mais velho.

Responder

Rebecca Martins - 22, Abril 2015 às (16:22)

Oi Aione,
Eu estou doida para ler este livro, há seculos. Desde que ele foi lançado no exterior minha vontade só vai aumentando a cada dia mais. A capa deste livro é perfeita. Preciso comprá-lo logo!
Beijos <3

Responder

Reniére Pimentel - 29, Abril 2015 às (18:42)

Quando tomei conhecimento da publicação de Garota Online eu rapidamente me interessei por sua premissa e agora posso ter certeza de que se trata justamente do que eu imaginava. Acho bastante interessante a criação de um enredo que seja apoiado no pilar que atualmente sustenta a vida dos indivíduos, que é a internet. Sendo esse um fato bom ou ruim, o que importa é que me parece ser uma história que irá aproximar o leitor das personagens por estarem tão próximos de sua realidade.
Espero poder me identificar assim como você, além de me sentir mais motivada a dar continuidade ao meu próprio blog.
Beijos!

Responder

Paac Rodrigues - 30, Abril 2015 às (14:55)

Vi muita gente comentando, positiva e negativamente, amei sua resenha sobre o livro deu pra conhecer mais sobre ele e mesmo gostando do canal da zoe não me atrai pelo livro =/

Responder

Fe Fernanda - 29, Janeiro 2016 às (11:52)

Que capa maravilhosa

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por