[Resenha] Cartas Extraordinárias - Shaun Usher | Minha Vida Literária
10

abr
2015

[Resenha] Cartas Extraordinárias – Shaun Usher

CartasCapa

Título: Cartas Extraordinárias
Autor: Shaun Usher
Editora: Companhia das Letras
Número de Páginas: 368
Ano de Publicação: 2014
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Americanas ♦ CulturaSubmarinoTravessa

Do comovente bilhete suicida de Virginia Woolf à receita que a rainha Elizabeth II enviou ao presidente americano Eisenhower; do pedido especi-al que Fidel Castro, aos catorze anos, faz a Franklin D. Roosevelt, à carta em que Gan-dhi suplica a Hitler que tenha calma; e da bela carta em que Iggy Pop dá conselhos a uma fã atormentada ao genial pedido de emprego de Leonardo da Vinci – ‘Cartas extra-ordinárias’ é uma celebração do poder da correspondência escrita, que captura o humor, a seriedade e o brilhantismo que fazem parte da vida de todos nós. Esta coletânea de mais de 125 cartas oferece um olhar inédito sobre os eventos e as pessoas notáveis da nossa história. O livro reproduz a maior parte dos fac-símiles das missivas, com sua transcrição e uma breve contextualização, além de ser ricamente ilustrado com fotogra-fias e documentos. A engenhosa organização de Shaun Usher cria uma experiência de leitura que proporciona muitas descobertas, e cada nova página traz uma bela surpresa para o leitor.

Cartas1

 


“O equivalente literário a uma caixa de chocolates – um prazer viciante a cada mordida.”  

The Sunday Times

 

A experiência de leitura através de cartas é sempre muito agradável, isso porque nos aproximamos intimamente dos personagens e dos seus pensamentos mais peculiares, o que na maioria das vezes é muito positivo, pois nos envolve ainda mais na leitura e nos leva a caminhos inesquecíveis. Esse é um livro que cumpre com louvor todas as expectativas de um leitor que sabe que está pisando em solo fértil, ou pelo menos, imagina. Diria que é um pedacinho do céu em forma de livro para o leitor que aprecia a leitura de correspondências. É história viva, para quem gosta do estudo da história. E é a mais profunda das emoções, para quem gosta de romances. É um misto de textos maravilhosos e compilados com capricho e dedicação numa única edição.

O livro é uma coletânea de 125 cartas distribuídas em mais de 300 páginas e organizado por Shaun Usher.Obcecado por correspondências, ele mantém o blog Letters of Note, que deu origem a esta obra. Além de trazer a tradução das cartas, o livro traz suas ilustrações, em maior parte com as letras das pessoas que as escreveram e ao lado um pequeno resumo com o contexto no qual foi escrita. Há também algumas cartas com suas respectivas respostas.

Agora vem o aspecto mais interessante: a premissa do livro é de que essas são correspondências inesquecíveis de pessoas notáveis e isso, além de verdadeiro, faz jus a tudo o que essas pessoas representaram no mundo, desde as muito famosas àquelas anônimas ou esquecidas pela história que estamos acostumados a ler. Fatos incríveis e que por vezes passaram despercebidos por nossos olhos são apenas uma pequena amostra do que há de mais raro nessas páginas.

cartas3

Há cartas para todos os gostos, de rainha para presidente, de astro do rock, de gênios da ciência, como Galileu, Leonardo Da Vinci e Einstein, de fãs para ídolos, de mães desesperadas por um abrigo para seus filhos, de soldados, de amores, de amigos, de tristeza, alegria, de amor. Porém, aquelas que mais fizeram meus olhos brilharem e meu coração palpitar foram as dos escritores. Já pensou que privilégio ler cartas de um grande escritor que você admira? Pois é, esse livro nos proporciona tal mordomia e prazer. Uma das cartas que mais me emocionou foi a que Virginia Woolf deixou para seu marido antes de cometer suicídio, é comovente, triste, verdadeira e profunda.

 


“Você me deu a maior felicidade possível. Você foi, sob todos os aspectos, tudo o que alguém poderia ser.” De Virginia Woolf para Leonardo Woolf.

página 49

 

cartas4

Uma outra carta muito interessante e cheia de vida é a que o grande romancista russo Fiódor Dostoiévski escreveu para seu irmão. Através dela, soube de aspectos da vida do autor que até então desconhecia, e foi incrível descobri-los através de suas próprias palavras.

E o que dizer do comovente relato que Laura Huxley, esposa do autor da clássica distopia Admirável Mundo Novo – Aldous Huxley – escreveu sobre os últimos dias de vida do autor? Sem palavras para descrever tamanha grandeza que essa carta revela.

Poderia falar de várias outras cartas que me emocionaram e se tornaram especiais em minha memória de leitora, mas me estenderia muito, pois isso ocorreu com a maior parte delas. Quanto aos escritores, há muitas outras cartas de autores como Bukowski, John Steinbeck, Emily Dickinson, Dorothy Parker, Rilke, Oscar Wilde entre outros.

Por fim, gostaria de falar um pouco da carta que Ernest Hemingway escreveu para F. Scott Fitzgerald, autor de O Grande Gatsby. Isso porque, para mim, ela representa parte do grande significado que Cartas Extra-ordinárias traz, que é o quanto podemos aprender com todas essas histórias de vida por meio dessas correspondências incríveis que nos dão acesso aos bastidores da vida de pessoas que cumpriram seu papel no mundo de diferentes modos. A carta de Hemingway é um parecer sobre um romance que o amigo havia escrito e lhe pediu para ser sincero ao lê-lo e Hemingway assim o fez, escrevendo uma carta que contém valiosos conselhos para escritores de todo o mundo. Essa carta, de uma honestidade e coerência que só grandes amigos poderiam ter um com o outro, sem dúvidas é uma das minhas preferidas.

 


“Esqueça sua tragédia pessoal. Nós todos estamos fodidos desde o começo e você em especial tem de sofrer muito para ser um escritor sério. Mas quando estiver sofrendo use o sofrimento – não trapaceie. Seja fiel a ele como um cientista – mas não pense que uma coisa é importante porque acontece com você ou com algum dos seus”. De Ernest Hemingway para F. Scott Fitzgerald.

página 243

 

Cartas2

Indico fortemente a leitura desse livro, vale muito à pena se deleitar pelas páginas de um livro tão especial e bem cuidado e degustar dessas correspondências deliciosas de serem lidas. Marquei várias cartas para reler em outros momentos, cartas que servirão de motivação, inspiração e reflexão, sobre a vida e sobre o ser humano, cartas que representam verdadeiras fontes de sabedoria e conhecimento.





Deixe o seu comentário

14 Respostas para "[Resenha] Cartas Extraordinárias – Shaun Usher"

Cristiane Oliveira - 10, abril 2015 às (12:43)

Oi Clivia. Adorei! O livro deve ser incrível mesmo. Parece até uma enciclopédia! rsrs Este livro realmente é de uma grande importância histórica, fui até pesquisar os preços e vi que ele é mais caro do que a média, mas com certeza vale a pena.
Beijos

Responder

Bruna Soares - 10, abril 2015 às (18:19)

O livro é muito bonito, no entanto não me chamou atenção … Não me atrai em nada livros que tratam disso e por isso não é uma leitura que eu esteja ansiosa para realizar, mas o livro é lindo, para quem gosta deve realmente ser uma boa leitura, infelizmente para mim não :/
Beijos

Responder

Rudynalva - 11, abril 2015 às (00:59)

Clívia!
Ai que livro mais lindo!
Não sei se já comentei, mas faço correspondência há mais de 35 anos e sou encantada pelas cartas.
E claro que um livro que traz cartas de pessoas ‘conhecidas’ são ainda mais atrativas e enriquecedoras.
Fiquei encantada com o livro e quero lê-lo.
“Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.” (Carlos Drummond de Andrade)
Cheirinhos
Rudy
http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

Responder

Rosana - 12, abril 2015 às (14:21)

O livro parece ser bom, não sei se eu leria. Parece ter muito conteúdo interessante e perfeito para muitos fãs.

Responder

Diane Ramos - 12, abril 2015 às (19:16)

Meu Deus ! Que livro é esse !
Ainda não o conhecia mas depois de sua resenha me interessei bastante , adoro ler cartas em livros a leitura desse jeito é muito bacana .
A diagramação do livro parece ser perfeita 🙂

http://coisasdediane.blogspot.com.br/

Responder

Leticia - 12, abril 2015 às (22:28)

Oi Clivia…
Este livro parece ser mega interessante…e bem minha cara rs
Até então, não tinha ouvido falar nesta obra ainda.
Adorei o conhecer e saber sua opinião.

livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

Responder

Maria Alves - 13, abril 2015 às (19:03)

Bem interessante esse livro. Uma grande ideia, publicar essas cartas que fizeram historia. Deve ter muitos relatos das pessoas que escreveram contando o que estavam passando naquele momento e o que queriam dizer aos seus remetentes. Deve nos fazer repensar em muitas coisas.

Responder

Danielle Thamires - 18, abril 2015 às (16:10)

Eu sinceramente não gosto de ler livros contado em cartas; não consigo me prender totalmente á história e o livro acaba ficando cansativo…Maaas, sua resenha despertou minha curiosidade por esse livro e, até acredito que, ” degustar dessas correspondências” será uma experiência deliciosa e fascinante!!!

Responder

Rebecca Martins - 22, abril 2015 às (15:53)

Ai Meu Deus! Necessito! Que livro lindo! Eu amo livros e filmas de cartas essas coisas! Você sabe algum site onde eu possa comprar Cartas Para Julieta (O Livro)? Não encontro em lugar nenhum!

Responder

Reniére Pimentel - 29, abril 2015 às (19:09)

Que livro mais interessante! Sempre gostei de livros escritos em formatos de cartas, bilhetes e-mails, etc., mas este supera tudo, pois além de serem somente cartas, são cartas reais, escritas por pessoas reais, em contextos reais. A ideia do autor foi brilhante e já quero um para mim.

Responder

Paac Rodrigues - 30, abril 2015 às (15:32)

a premissa do livro é muito boa, deve ser muito legal ler essas cartas de pessoas famosas

Responder

Gabriela - 17, maio 2015 às (23:24)

Oi!
Estou sempre pesquisando para o meu blog que é exclusivo sobre o tema CARTAS e adorei saber sobre esse livro. Na verdade, eu já tinha ouvido falar,mas nunca tinha visto fotos das páginas!
Obrigada pelo post! Amei!!!
http://www.mundodascartas.com

Responder

Patricia - 18, maio 2015 às (16:42)

Oi Clivia! Adorei a resenha!
Parabéns! O blog está cada vez melhor!

Beijos
Patricia
http://www.doseliteraria.com.br

Responder

Maria Valéria - 19, maio 2015 às (11:08)

Fiquei encantada com este livro, não sabia dele até ver tua resenha, Clívia. você escreve bem, adorei o blog ^^

Carta é algo tão íntimo e caloroso nesses tempos de fria conexão digital…
Beijos…

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por