[Resenha] Uma História Incomum Sobre Livros e Magia - Lisa Papademetriou | Minha Vida Literária
06

abr
2016

[Resenha] Uma História Incomum Sobre Livros e Magia – Lisa Papademetriou

uma-historia-incomum-sobre-livros-e-magia-lisa-papademetriou-minha-vida-literariaTítulo: Uma História Incomum Sobre Livros e Magia
Autor: Lisa Papademetriou
Editora: Arqueiro
Número de Páginas:  192
Ano de Publicação: 2016
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonCultura ♦ Travessa

Duas meninas encontram um livro mágico e cada uma se vê envolvida numa história que parece ser contada sozinha.

Kai chega ao Texas para visitar sua tia-avó Lavinia – uma senhora extravagante, durona e fã de hip-hop. Do outro lado do mundo, no Paquistão, Leila deseja ser tratada como uma princesa pela família de seu pai e viver fortes emoções.

Elas só não fazem ideia de que seus mundos completamente diferentes estão prestes a se chocar graças a um enigmático livro em branco.

Quando Kai escreve no livro, suas palavras magicamente aparecem no exemplar de Leila. As meninas então percebem que O cadáver excêntrico reage a cada frase acrescentada – não importa se foi inspirada pelo ataque de um chihuahua ou por um mal-entendido com uma cabra – com um trecho da história de amor vivida por Ralph Flabbergast e Edwina Pickle mais de cinquenta anos antes.

Uma história incomum sobre livros e magia entrelaça essas três perspectivas – de Kai, Leila e Ralph – de uma forma divertida e emocionante. É uma narrativa mágica sobre o destino e os laços invisíveis que nos ligam uns aos outros.

Quando uma história se assume como altamente incomum desde seu título, já criamos expectativas sobre o que podemos encontrar em suas páginas. Em Uma história incomum sobre livros e magia, Lisa Papademetriou cumpre o prometido através de uma trama inusitada e repleta de magia.

uma-historia-incomum-sobre-livros-e-magia-lisa-papademetriou-minha-vida-literaria3

Kia e Leila são garotas que não se conhecem e que estão em lados opostos do mundo: enquanto Kia visita sua tia avó no Texas, Leila visita a família de seu pai no Paquistão. Além de compartilharem uma baixa autoestima, as garotas também acabam por ter em comum um estranho livro denominado O cadáver excêntrico, o qual misteriosamente reage a cada frase por elas escritas: quando uma escreve no livro, a frase aparece no da outra, e um diferente trecho da história de Ralph Flabbergas e Edwina Pickle é acrescentado às misteriosas páginas.

A característica incomum da obra de Lisa Papademetriou se faz desde sua narrativa: em terceira pessoa, as perspectivas de Kia e Leila são apresentadas ao leitor, bem como se vale dessa visão a narrativa encontrada na história contada em O cadáver excêntrico. Contudo, o narrador – ou narradora – não apenas dá voz aos fatos, uma vez que assume uma voz própria e intercala a narrativa com seus próprios comentários, em primeira pessoa, de forma a dar um ar descontraído e envolvente à leitura.

uma-historia-incomum-sobre-livros-e-magia-lisa-papademetriou-minha-vida-literaria2

Inicialmente, por mais que estivesse curiosa tanto pela magia presente nos livros das garotas quanto para compreender como as três histórias se entrelaçariam, demorei um pouco para me envolver com a leitura, mesmo que a narrativa seja leve, fluida e descontraída. O motivo para isso foi que senti falta de um background sobre as personagens: nos é dito que elas estão em férias na casa de parentes, mas não sabemos de onde vieram ou porque ali se encontram, ainda que indícios de suas histórias estejam sutilmente presentes em meio à narrativa. Porém, pouco a pouco os indícios se intensificam, até que as histórias sejam abertamente relatadas, possibilitando compreendermos melhor as garotas e conhecermos mais de seus passados e anseios, além de entendermos o porquê delas estarem onde estão.

Tirado esse ponto, adorei a leitura e a trama criada pela autora. Lisa Papademetriou foi muito feliz em seu quebra cabeça, entregando, aos poucos, as peças ao leitor. Não apenas a história é recheada de aventuras e fantasia, Uma história incomum sobre livros e magia também traz suas pitadas de amor, amizade e mensagens positivas, entregues por meio de uma leitura leve e adorável. Recomendo, sem dúvidas, às crianças de todas as idades!

uma-historia-incomum-sobre-livros-e-magia-lisa-papademetriou-minha-vida-literaria1





Deixe o seu comentário

4 Respostas para "[Resenha] Uma História Incomum Sobre Livros e Magia – Lisa Papademetriou"

Lara Cardoso - 09, abril 2016 às (22:48)

O que primeiro me chamou a atenção nesse livro, quando foi lançado, foi a capa. Ela é muito linda e criativa, eu amei. Depois de ter visto a capa fui ler a sinopse e já me apaixonei pelo livro ali mesmo rsrs depois de ler sua resenha, fiquei ainda mais curiosa por essa história e pretendo ler o mais rápido possível. Quero saber o que acontece com a Kai e a Leila, e suas respectivas vidas nos Estados Unidos e no Paquistão.

Abraços 🙂

Responder

Lis Volpe - 11, abril 2016 às (11:38)

Oi flor!
Eu não conhecia sobre o livro, achei interessante sua resenha, gosto dessas narrativas mais interativas, comentários próprios do/a narrador/a cria um tom de conversa para a leitura…
Essa capa é linda e de imediato veio na minha cabeça “O livros das coisas perdidas”

Beijos

Responder

Micheli Pegoraro - 13, abril 2016 às (15:59)

Olá Aione,
Estou louca de desejos por esse livro, amei a capa e a sinopse já me fisgou desde o início. Adoro livros de magia, e esse parece ter uma bela aventura, de uma forma divertida e emocionante. Estou bem curiosa pra montar durante a leitura as peças desse quebra cabeça que a autora criou, adoro quando os autores criam um ar de mistério.
Beijos

Responder

Maria Alves - 15, abril 2016 às (20:51)

Fiquei intrigada com essa magia que acontece com o livro das meninas, em como seria possível isso acontecer, qual seria a explicação. Legal ter mensagens para o leitor refletir.

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil