[Vídeo Resenha] Um Novo Amor à Vista - Cláudio Quirino | Minha Vida Literária
26

jan
2017

[Vídeo Resenha] Um Novo Amor à Vista – Cláudio Quirino

um-novo-amor-a-vista-claudio-quirino-minha-vida-literaria

Título: Um Novo Amor à Vista
Autor: Cláudio Quirino
Editora: Madras
Número de Páginas: 168
Ano de Publicação: 2015
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Amazon ♥ Americanas ♥ SaraivaSubmarino

Darla é uma típica mulher moderna brasileira – determinada, trabalha, pega condução, tem seus sonhos secretos e ainda está enquadrada na categoria consumidora compulsiva, mas só tem um probleminha: o seu pequeno salário não é suficiente para as suas grandes necessidades. Diariamente tentada pelas propagandas das grifes e incapaz de ignorá-las, ela sempre acaba indo ao encontro de inúmeras bolsas Gucci, burberrys, sapatos Prada, óculos Dolce & Gabbana e suas próprias extravagâncias.

Para variar, o seu namorado de seis meses – Greg – acaba de sair de casa e abandoná-la. Disposta a controlar a sua solidão comprando (mesmo que, para isso, seu nome continue no vermelho), Darla vai, aos poucos, se envolvendo numa série de situações divertidas, otimistas e surpreendentes, capazes de arrancar risadas, à medida que seus pensamentos se decifram aos olhos do leitor. Um Novo Amor à Vista trata, em primeira mão, de cada um dos principais dilemas que afetam o universo feminino e trabalha a autoestima, com um tom cômico, sincero e espontâneo.

Em seu primeiro romance chick-lit, Cláudio Quirino revela um mundo completamente familiar e entrega personagens marcantes, simpáticos e um primeiro livro planejado.

 

RESENHA EM VÍDEO






Deixe o seu comentário

14 Respostas para "[Vídeo Resenha] Um Novo Amor à Vista – Cláudio Quirino"

Marta Izabel - 26, janeiro 2017 às (12:26)

Oi, Aione!!
Adorei o vídeo!! Estou amando acompanhar o Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2017 !! Não conhecia esse livro nacional!! Pena que ele tem alguns erros !! Mas parece ser uma história bem bacana!!
Beijoss

Responder

Anna Mendes - 26, janeiro 2017 às (18:01)

Oi Aione! Adorei a resenha!
Eu não conhecia esse livro, e apesar de gostar muito de livros divertidos, a premissa desse livro não chamou tanto a minha atenção.
Ainda não li nenhum chick-lit esse mês, mas ainda não desisti do desafio hehe
Vou aguardar as suas dicas!
Bjos!

Responder

Aciclea Vieira - 26, janeiro 2017 às (22:35)

Aione,amo chic-lit e esse desafio é maravilhoso, gostei bastante da sinopse dá história da Darlan,pena que você não tenha gostado do desenvolvimento do enredo.Realmente a dívida que ela possui não é tão grande.Mas de qualquer forma darei oportunidade a obra e verei o que acontece.Ainda não li nenhum chic -lit, estou pensando em começar por esse.😘

Responder

Nicoli Vieira - 26, janeiro 2017 às (23:25)

Aione, é bem ruim quando o autor tenta mesclar todos os clichês do gênero e esquece de dar uma identidade para o livro, e ainda mais algumas coisas que não tiveram nexos como você citou sobre o inverno em dezembro. E já que Darla é uma mulher típica brasileira, poderia ter um nome típico brasileiro também.
O livro poderia ser mais elaborado e cumprir o que diz na sinopse, mas desistirei dele e o lerei para o desafio dos doze chick-lits.

Responder

Kemmy - 27, janeiro 2017 às (15:13)

Oi Aione!
Primeira vez que vejo chick-lit escrito por homem, acredita?
puxa vida que pena que tiveram tantos furos, como assim inverno no Natal?
Mesmo sendo um livro de gênero mais leve poderia ser mais trabalhado, portanto não leria, não no momento.
Beijos!

Responder

Becca Martins - 28, janeiro 2017 às (12:07)

Oi Mi!!
O livro tava parecendo ser uma imitaçãozinha de Becky Bloom pelo jeito. Eu acho uma pena quando o autor faz esse tipo de coisa ao inves de buscar mais originalidade na história. E até pega mal quando ele quer mostrar uma típica personagem brasileira mas a acaba transformando em algo bem diferente disso, principalmente para ele que é um autor nacional.
E pra janeiro eu escolhi o Bônus kkk Começar mais pelo fácil. Eu li 1 milhão de motivos para casar.
Ps: Em fevereiro dá dicas de chick-lits com capa preta! Que difícil!
Beijos!!

Responder

Lara Maria - 28, janeiro 2017 às (13:56)

Eu vi um vídeo da Bárbara, do Segredo entre Amigas onde ela comentava sobre esse livro e pelo o que vi ela gostou… A capa é bem bonita, e acho que se lesse, gostaria do livro.
Beijos

Responder

Rossana Batista - 28, janeiro 2017 às (21:04)

Que pena que o livro tenha alguns desses problemas. Eu acho sempre meio estranho quando vejo um monte de histórias clichês que o autor coloca em um único livro. E que mancada essa a das estações do ano ein. Não foi um livro que fiquei com muita vontade de ler.

Responder

Rudynalva Correia Soares - 29, janeiro 2017 às (23:15)

Oi Aione!
Já gostei de saber que um homem escreveu o livro, o que é bem difícil um chick lit escrito pelo gênero masculino e ainda mais nacional.
Que bom ver que a escrita dele é envolvente e hilária e podemos rir um pouco.
Uma pena que tem alguns furos e que ele tenha tentado compilar outros chick lits em um livro brasileiro.
Acredito que no próximo ele deve melhorar e trazer assuntos mais aprofundados.
E você é especialista no estilo, sabe do que está falando.
cheirinhos
Rudy

Responder

Roberta Batista - 30, janeiro 2017 às (18:37)

Gente do céu, essa síndrome é muito perigosa, eu também sofro dele kkkk
É a primeira vez que ouço falar do autor. Eu prefiro quando os livros vem com clichês moderados e não vindo com todas as características. Histórias mais superficiais não são muito comigo. Mas deu vontade de dar oportunidade.

Responder

thaynara ribeiro - 30, janeiro 2017 às (20:35)

Não curto essa mania da Beckie Bloom pq acho bem forçado tanto que nem tentei ler os livros… isso já é algo que não curti muito e ao ver o vídeo confirmei que não rola comigo. Clichê é bom quando trabalhado corretamente, mas o exagero nunca dá certo.

Responder

suzana cariri - 31, janeiro 2017 às (00:36)

Oi!
Ainda não conhecia esse livro, mas fiquei curiosa sobre essa historia, porém mesmo tendo um livro clichê, acho que faltou um algo a mais para trazer essa diferença no livro, parece que a historia fica mesmo superficial, principalmente nos momentos que se espero um aprofundamento maior da historia e esses furos acabam tirando o leitor dessa historia que o autor cria, mas quem sabe não acabo lendo esse livro !!

Responder

Ana I. J. Mercury - 31, janeiro 2017 às (21:11)

Fiquei com vontade de ler o livro, pois amo chick-lit e brasileiro é melhor ainda.
Mas esses deslizes por assim dizer, do autor, foi estranho mesmo, rsrs
não é que a história fique ruim né? É que tem alguns autores que escrevem livros situados no Brasil, só que com a descrição geográfica, de moda, costumes, etc., muitooooooo americanizado, e isso fica bem chatinho e difícil da gente visualizar.
Porém, da pra ler e se divertir rsrsrs
bjsss

Responder

camila rosa - 31, janeiro 2017 às (23:18)

Gostei do vídeo resenha, eu não conhecia o livro ainda, que pena que ele não te convenceu, mas pelo que você citou realmente a historia é fraca, e que pena que o livro acabou sendo de certa forma superficial, que bom que pelo menos a leitura é muito fluida, quem sabe eu venha a dar uma chance a ele, e o desafio é muito bacana.
Beijos *-*

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por