[Resenha] Amanhã Eu Paro! - Gilles Legardinier | Minha Vida Literária
26

maio
2017

[Resenha] Amanhã Eu Paro! – Gilles Legardinier

Título: Amanhã Eu Paro!
Autor: Gilles Legardinier
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 304
Ano de Publicação: 2017
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

Como todo mundo, Julie já fez muitas coisas idiotas na vida. Ela poderia contar sobre a vez que resolveu descer a escada enquanto vestia um suéter e caiu nos degraus, ou quando tentou consertar um plugue ligado na tomada segurando o fio com a boca, ou quem sabe falar de sua fixação pelo novo vizinho que nunca viu: Ricardo Patatras.Julie tem o irritante hábito de fazer as maiores loucuras quando está apaixonada. E essa obsessão a leva a prender a mão na caixa de correio do vizinho enquanto espiona uma misteriosa carta… E o pior, ainda é flagrada pelo próprio dono da correspondência.Mas isso não é nada, nada mesmo, se comparado às maluquices que ela vai fazer para se aproximar desse homem e descobrir seu grande segredo. Movida por uma criatividade sem limites, intrigada e atraída por um desconhecido que mora tão perto, Julie assume riscos cada vez mais delirantes, sem perceber que pode cair na própria armadilha.Com mais de 3,5 milhões de livros vendidos, Gilles Legardinier mostra em Amanhã Eu Paro! uma história original e irreverente que com certeza fará o leitor morrer de rir.

Existem livros que são perfeitos para quando desejamos uma leitura rápida, leve e, por vezes, divertida, e esse é o caso de Amanhã Eu Paro!, escrito por Gilles Legardinier. E não se enganem com a capa: de fato, esse não é um livro sobre gatos; ao contrário, o centro das atenções é Julie, uma moça muita desastrada, mas também muito determinada e querida por todos ao seu redor.

Um dos aspectos cruciais da obra é que ela se propõe a desvelar as nuances do cotidiano de uma mulher de 28 anos, que se vê em meio a atrapalhadas, paixões, complicações no emprego, incertezas e confusões.

Em certa medida, Gilles Legardinier consegue trazer à tona aspectos bem detalhados do universo feminino, mas, por outro lado, em outros momentos, há um excesso de trapalhadas e incertezas nas quais a personagem está inserida, além dela criar uma afeição muito repentina pelo seu novo vizinho, de quem ele sabe apenas o nome. Ou seja, ao mesmo tempo em que algumas coisas acontecem de súbito em Amanhã Eu Paro! , outras tantas se demoram mais um pouco para acontecer e isso nos deixa na expectativa sobre o que esperar de seu desfecho.

O certo é que Julie é uma personagem que quando se apaixona mergulha de cara e é capaz de cometer as maiores loucuras pelo seu amado, o que a leva a situações não muito agradáveis e que resultam em certas inconstâncias que afetam também outros aspectos da sua vida. Quanto ao seu misterioso vizinho, Ricardo Patatras, junto à Julie vamos desvendando um pouco da sua história.

A narrativa em primeira pessoa é sob o ponto de vista de Julie, os capítulos são curtos e dinâmicos, o que proporciona um bom ritmo de leitura. De modo geral, Amanhã Eu Paro! é um livro leve e divertido e, apesar de um pouco previsível, o enredo agrada pelo bom humor e pelo carisma da personagem central.





Deixe o seu comentário

4 Respostas para "[Resenha] Amanhã Eu Paro! – Gilles Legardinier"

rudynalva - 28, maio 2017 às (20:28)

Clivia!
Achei Julie mmuito intensa e passional em tudo que se resolve a fazer.
Gosto de romances hilários, dá um toque de chick-lit e fiquei curiosa por ver como ela vai se virar com Ricardo, o vizinho misterioso.
cheirinhos
Rudy

Responder

suzana cariri - 29, maio 2017 às (11:22)

Oi!
Quando vi esse livro imaginei uma historia bem diferente, mas lendo a resenha o livro acabou me surpreendendo positivamente, gostei da historia, parece ser um livro leve, divertido e que ao mesmo tempo passa algo a leitor, mas infelizmente não foi uma historia que me chamou atenção !!

Responder

Márcia Saltão - 29, maio 2017 às (14:48)

Olá!
Então, esse seria um livro que eu compraria só pela capa! Amo capas com bichinhos fofos.
Gostei do enredo, e por ser uma leitura leve e divertida, é ótimo para queles intervalos de leituras mais pesadas.
Já está na minha lista!
Beijos.

Responder

Paloma Monteiro - 31, maio 2017 às (08:44)

Pela sua resenha, pudi perceber que esse parece ser um livro bem cômico, e consegui me sentir de certa forma atraída pela historia (Apesar de não ter gostado nada da capa dele), não tinha ouvido falar sobre ele, por isso quando cheguei no final da resenha tive q voltar pra ver se tratava-se de um lançamento ou não ….
É sempre bom ter um livro assim na estante, pra poder nos aliviar de uma leitura pesada e outra ,e nos ajudar nas famosas ressacas literárias rsrs

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por

Blogs Brasil