[Vídeo Resenha] A Pequena Livraria dos Corações Solitários - Annie Darling | Minha Vida Literária
22

jun
2017

[Vídeo Resenha] A Pequena Livraria dos Corações Solitários – Annie Darling

A Pequena Livraria dos Corações Solitários – Annie Darling

Título: A Pequena Livraria dos Corações Solitários
Autor: Annie Darling
Editora: Verus
Número de Páginas: 308
Ano de Publicação: 2017
Skoob: Adicione
Compare e compre: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

Era uma vez uma pequena livraria em Londres, onde Posy Morland passou a vida perdida entre as páginas de seus romances favoritos. Assim, quando Lavinia, a excêntrica dona da Bookends, morre e deixa a loja para Posy, ela se vê obrigada a colocar os livros de lado e encarar o mundo real. Porque Posy não herdou apenas um negócio quase falido, mas também a atenção indesejada do neto de Lavinia, Sebastian, conhecido como o homem mais grosseiro de Londres.

Posy tem um plano astucioso e seis meses para transformar a Bookends na livraria dos seus sonhos — isso se Sebastian deixá-la em paz para trabalhar. Enquanto Posy e os amigos lutam para salvar sua amada livraria, ela se envolve em uma batalha com Sebastian, com quem começou a ter fantasias um tanto ardentes. Resta saber se, como as heroínas de seus romances favoritos, Posy vai conseguir o seu “felizes para sempre”. O primeiro livro da série A Livraria dos Corações Solitários!

 

RESENHA EM VÍDEO



RESENHA ESCRITA

Que atire a primeira pedra o apaixonado por livros que não se encanta com uma leitura recheada de citações literárias. E quando essas menções vão ao encontro de seu gosto pessoal, a combinação não poderia ser mais perfeita. É isso o que Annie Darling proporciona aos românticos de plantão em A Pequena Livraria dos Corações Solitários: uma história sobre livros (e outras coisinhas mais) totalmente voltada aos bookaholics; em especial, aos entusiastas da ficção romântica.

Posy cresceu na Bookends, livraria de Lavinia (herdada de sua mãe, Agatha) e administrada por tempo considerável pelos pais de Posy. Quando eles falecem, Lavinia permite que Posy e seu irmão, Sam, continuem morando no apartamento sobre a Bookends e que Posy continue trabalhando nela. Então, quando Lavinia é quem falece, ela deixa a livraria de herança à Posy – que herda, também, as implicâncias constantes de Sebastian, neto de Lavinia. Considerando-se que a Bookends vem trilhando cada vez mais um caminho em direção à falência, Posy terá apenas seis meses para reestruturá-la e trazê-la de volta à vida, enquanto lida com seus problemas pessoais e com o próprio Sebastian.

Não adiantava querer explicar para Sebastian como era bom abrir um livro novo e inspirar aquele aroma maravilhoso. Ou o cheiro poeirento, quase terroso, dos livros velhos. Sentir o peso reconfortante de um romance no colo, ou deixar as páginas umedecerem ou ondularem enquanto se lê na banheira. Ele não entenderia.

pág. 51

Em terceira pessoa, a narrativa se desenvolve de maneira aconchegante e convidativa, de forma a rapidamente imergimos na leitura, que traz, também, seus traços de humor e ironia, ainda que mais sutis. Também, há alguns trechos de capítulos de uma história de época escrita por Posy, que não só trazem uma quebra positiva na leitura como também a torna ainda mais interessante.

São vários os elementos que me atraíram em A Pequena Livraria dos Corações Solitários, além desse seu ar de aconchego, a começar pelo próprio cenário familiar da história (e que intensifica ainda mais a atmosfera envolvente). O fato de Posy ter perdido os pais reflete não só em seu emocional como também em suas responsabilidades, já que ela é tutora do irmão mais novo. Essa ligação entre ambos certamente dá um tom todo especial ao enredo e se estende também aos demais funcionários da Bookends; afinal, são todos tão amigos que funcionam como uma grande família, e é essa união que dá o tom da história.

Ainda, por Posy ser uma aficcionada por livros, há inúmeras referências literárias ao longo de A Pequena Livraria dos Corações Solitários, principalmente ligadas à ficção romântica – gênero favorito da protagonista e sua especialidade. Esse foi, sem dúvida, o ponto alto da obra de Annie Darling para mim. Posy defende com unhas e dentes sua preferência e combate, a todo instante, as visões preconceituosas sobre o gênero, visto, muitas vezes, como inferior por seu teor romântico. Ao defendê-lo, ela dá voz a todos que compartilhamos de sua visão e oferece um ombro a nós, que nos sentimos confortados por sua defesa. Simplesmente amei encontrar tantas de minhas autoras queridinhas – de Jane Austen a Sophie Kinsella – sendo citadas em um só livro.

O ponto ambíguo da história é justamente seu romance, no sentido de que Sebastian, ao longo de toda narrativa, é um personagem absurdamente insuportável. Compartilhei da visão irritadiça de Posy em todos os instantes e, surpreendentemente, acabei me encantando pelo mocinho. Annie Darling foi bastante habilidosa em conseguir esse efeito: desenterrar o lado positivo de Sebastian mesmo que seu lado negativo seja tão visível. Dessa maneira, acabei sorrindo com o desfecho romântico e, principalmente, compreendendo como ele se constrói: há coerência na maneira de como o personagem é desenvolvido e apresentado.

Talvez as palavras impressas nas páginas fossem as palavras que o leitor ouvia há tanto tempo bem no fundo de sua alma, sem que nunca tivesse conseguido expressá-las. Cada livro prometia a seu leitor que, por mais dificuldades e tormentos que a vida podia lançar em seu caminho, ainda havia finais felizes a serem alcançados.
Mesmo que fosse em um livro, ainda valia como um final feliz.

pág. 300

De maneira geral, A Pequena Livraria dos Corações Solitários é aquela típica leitura para se fazer em uma tarde chuvosa acompanhada de uma boa xícara de chocolate quente e um cobertor, ainda que a leitura da obra de Annie Darling, por si só, seja suficientemente capaz de aquecer nossos corações. Vale lembrar que esse é o primeiro livro da série A Livraria dos Corações Solitários, cujos livros serão protagonizados, cada um, por um diferente funcionário da Bookends. Até o momento, apenas os dois primeiros livros foram publicados, sendo que, no Brasil, somente o primeiro volume da série foi lançado até o momento.

AS CAPAS DA SÉRIE LONELY HEARTS BOOKSHOP





Deixe o seu comentário

4 Respostas para "[Vídeo Resenha] A Pequena Livraria dos Corações Solitários – Annie Darling"

Anna Mendes - 22, junho 2017 às (19:30)

Oi Aione! Adorei a resenha!
Estou apaixonada pela capa deste livro! É muito linda e delicada!
Adorei a premissa também! Um livro que se passa em uma livraria não poderia ser ruim, não é mesmo? hehehe
Também gosto muito de encontrar citações literárias em algum livro que estou lendo.
Parece ser um livro muito leve, fofo e gostoso de ler. Fiquei curiosa para fazer a leitura 🙂
Bjos!

Responder

Ana I. J. Mercury - 29, junho 2017 às (20:04)

Aii que resenha linda, adorei!!!
A capa é perfeita mesmo!
Nossa, a história parece ser ótima, fofa e bem divertida, e citando outros livros então? Adoro!
Vou querer ler logo logo!
bjs

Responder

RUDYNALVA - 30, junho 2017 às (21:18)

Aione!
Bacana ver que e cada livro, um dos funcionários da livraria será protagonista.
A capa dese livro é linda e colorida mesmo, gosto de tudo que é colorido.
Ter de levantar a livraria novamente e ainda lidar com o neto da ex-dona, deve ser estafante para ela.
Humor mais sutil é gostoso de ler.
Nossa! Que bacana ela citar tantas autoras clássicas, é de pirar mesmo.
Ai que delícia ver que parece um local aconchegante.
Que horror um protagonista machista e ainda assim a autora consegue tirar algo de bom dele.
Adorei a dica.
cheirinhos
Rudy

Responder

Lily Viana - 30, junho 2017 às (23:06)

Olá,
Que historia maravilhosa, eu já tinha visto esse livro e lido algumas resenhas e percebir que e uma historia encantadora. Não cheguei a ler nenhum livros de chick-lit mas sei que alguns tem uma historia bem maravilhosa.
O bom desse livro que temos uma personagem igual a nós leitores que ama a livraria e os livros.

Responder

Últimas Resenhas

Calendário de posts

junho 2017
S T Q Q S S D
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Participo

<div class="titulo participo"><h6>Participo</h6></div>

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por